Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Mistura de ritmos encerra São Pedro de Tuparetama

Publicado em Notícias por em 4 de julho de 2022

A última noite do São Pedro de Tuparetama foi uma grande mistura de ritmos, encerrando de forma memorável o maior evento junino do Sertão do Pajeú. 

Uma multidão lotou o Pátio de Eventos para assistir a Banda Calcinha Preta, que subiu ao palco cantando os seus maiores sucessos, como cobertor, mágica, manchete dos jornais, dentre outros. 

Os fãs se emocionaram com uma linda homenagem à cantora, Paulinha Abelha, feita pelos músicos.

A noite teve sequência com a apresentação da dupla de irmãos, Kaynan e Kauê, representando os artistas da terra. Em seguida, foi a vez de Novinho da Paraíba retornar ao palco do São Pedro de Tuparetama, fazendo o público dançar e cantar músicas do Forró tradicional as mais atuais. 

A Banda Forró do Nosso Jeito, fechou com chave de ouro o primeiro São Pedro realizado após a pandemia. O público dançou até a última música, relembrando sucessos dos forrós das antigas.

Para o prefeito Sávio Torres, o evento movimentou a cidade nos quatro dias de festa,  superando todas as expectativas. 

“Esse foi o São Pedro do reencontro onde os filhos ausentes retornaram para curtir com suas famílias, após uma longa espera regada de muita saudade. Durante os quatro dias, a Princesinha do Pajeú reviveu os bons momentos com os artistas de casa e os de fora, trazendo de volta a calor humano para o Pátio de Eventos. Obrigado a todos que compartilharam conosco dessa que é a maior festa de Tuparetama.”, disse.

Promovido pelo Governo Municipal de Tuparetama, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Esportes, o evento reuniu uma grande multidão de pessoas durante todos os dias de evento, que teve início na última quarta-feira (29.06) com a Corrida da Fogueira, apresentações culturais de xaxado e quadrilhas juninas. O Beco das Artes foi uma das maiores atrações do evento, 

atraindo os visitantes para a feirinha de artesanatos, exposições, venda de comidas típicas e os belos painéis interativos pintados pelo artista plástico, Gustavo Felipe. 

De acordo com o secretário de Cultura, Fernando Marques, o retorno das festividades impulsionou a economia local e criativa da cidade.

“A festa movimentou o comércio e mais uma vez, gerou renda tanto para a classe artística que foi penalizada duramente no período da pandemia, como também, para os ambulantes que venderam comida e bebida no local da festa. Além das atrações no palco principal, a cultura esteve presente no Beco das Artes, lindamente decorado e pintado com as gravuras do grande artista, Gustavo Felipe. Já os artesãos da nossa cidade foram prestigiados com um espaço para expor suas produções. Quero agradecer a colaboração e os esforços de toda a equipe que esteve realizando este grandioso São Pedro do recomeço.”, finalizou.

Deixar um Comentário