Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Coluna do Domingão

Publicado em Notícias por em 11 de julho de 2021

Sertão de PE tem ampla rejeição a Bolsonaro

Essa foi uma péssima semana para o presidente Bolsonaro em se tratando de números.  Primeiro,  o Datafolha aferiu que a maioria da população o acha desonesto, falso, incompetente, despreparado, indeciso, autoritário, favorece os ricos e mostra pouca inteligência.

Na sequência,  sua rejeição bateu os 51%, a mais alta da série histórica. E o ex-presidente Lula o bate com 58×31% num eventual segundo turno, uma lavada.

Mas aparentemente o dado ainda é fichinha perto da avaliação de Bolsonaro no Nordeste. No Pajeú por exemplo, a Coluna compilou pesquisas nas rádios Pajeú,  Cultura FM e Gazeta FM. Com mais de 400 participações,  a pesquisa tem mais ouvidos que muitas pesquisas de opinião na região.

A pergunta foi: qual a primeira característica que lhe vem à mente sobre o presidente Jair Bolsonaro? Um total de 90,5% atribuiu adjetivos negativos ao presidente. O mais comum, para 41,6% indica que, segundo a população,  Bolsonaro é louco, doido, bipolar, precisa de tratamento.

Ele é ruim, mal para 6,7%. Para 6,1% ele é péssimo, mesmo percentual de quem o acha desumano e incompetente. Para 4,1% Bolsonaro é burro. Apenas 3,4% o taxam de genocida, provando que aqui a alcunha não pegou. Empatados em 2%, os adjetivos mal educado, despreparado, sem noção e corrupto. Na casa dos que o acham ridículo ou  falador, 1,4%. Para 0,7% cada, ele é monstro, palhaço,  terrível,  decepcionante, abestalhado, sem futuro, covarde e anti Cristo.

Os que ainda o tratam como mito, o melhor presidente da história,  não rouba e não deixa roubar ou melhor ele que Lula, o PT e o comunismo estão 9,5%. Ou seja , o núcleo bolsonarista desidrata ainda mais na região.

Claro, esses dados deveriam servir de parâmetro para o presidente mudar urgentemente seu modus operante,  rever a conduta, os atos, xingamentos e agressões,  além da forma como encarou a pandemia.  Mas é certo dizer que o presidente continue sendo atrelado à defesa da cloroquina, voto impresso, não à vacina e continue se enrolando a cada capítulo da CPI. Bolsonaro vai se atolando nos próprios erros…

Primeiro “damo”

A prefeita Márcia Conrado revelou que o marido, o cirurgião bucomaxilofacial Breno Araújo, está dando um suporte maior no apoio à sua gestão, diante das tarefas e exigências da missão. Ao contrário da mãe, Lisbeth Souza, Secretária de Saúde, Breno não ocupará função. ele acompanhou a prefeita no debate em que esteve com Luciano Duque na Rádio Cultura.

Porque não eu?

Já o ex-prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, não deixou de tirar uma casquinha da notícia sobre a reunião de trabalho entre o Deputado Sebastião Duque e o Secretário da gestão Márcia, Carlito Godoy. “Infelizmente não contei com esse apoio”, brincou. Registre-se, tanto Duque quando Márcia agradeceram ao gesto do Federal, de discutir com a municipalidade emendas para a área de desenvolvimento econômico.

Cadê a água?

Moradores de Brejinho relataram à Coluna que parou a obra de construção da estação elevatória que vai garantir a distribuição de água da Adutora do Pajeú para abastecer o município. A Presidente da COMPESA, Manuela Marinho, prometeu averiguar o que houve para a interrupção dos trabalhos.

Luz, câmera, ação

Na noite deste sábado houve o primeiro teste do som 5.1 do Cine São José. A transmissão gravada de um smartphone pela rede social do cinema, não consegue traduzir plenamente a sensação de um som que percorre toda a sala, mas já arrepia. O trabalho foi conduzido pelo especialista Tomi Terahata, Arthur Abdon (Cine São Luiz), William Tenório e Richard Soares (Pajeú Filmes). Agora a etapa de instalação do projetor, com Alexandre Barros.

Amigo, olhe a poeira, olha a estrada…

Depois do anúncio do governador Paulo Câmara e do prefeito Anchieta Patriota da construção da PE 380, a Estrada de Ibitiranga, restam no Pajeú aguardando o mesmo rumo a PE de Ingazeira à 275 – chamada de 49 – e a rodovia PE 310, que liga Iguaracy a Custódia.

Mais dois

O Diretor da Faculdade Vale do Pajeú, Cleonildo Lopes, o Painha, acredita que além de Medicina Veterinária, São José do Egito ganhará os cursos de Enfermagem e Psicologia com vestibular nesse segundo semestre. Já Medicina deve esperar até 2 anos. A atuação da Faculdade na área de Direito já gerou a chegada de um Procon à Capital da Poesia.

Frase da semana: Quem se colocar contra esse direito de livre escolha do cidadão terá a nossa mais firme oposição. Dos partidos  DEM, MDB, PSDB, NOVO, PV, PSL, SOLIDARIEDADE e CIDADANIA, contra os arroubos antidemocráticos de Bolsonaro.

Deixar um Comentário