Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Prefeitos reclamam perdas com redução do ICMS do combustível

Publicado em Notícias por em 14 de julho de 2022

Um documento que circula em Pernambuco, encaminhado pela AMUPE, mostra quanto cada cidade perde em receita com a redução do ICMS dos combustíveis.

Prefeitos e entidades municipalistas argumentam que será necessário fazer um novo ajuste fiscal.

Outra reclamação é que a redução não muda a ordem do jogo, com o mercado internacional e a política de preços da Petrobras programando nova alta.

Veja as perdas aunais calculadas de alguns municípios de Pernambuco (em reais):

PETROLINA 26.024.300,00

GARANHUNS 10.264.750,00

SERRA TALHADA 5.470.100,00

ARCOVERDE 4.168.600,00

SALGUEIRO 3.524.500,00

CUSTODIA 2.371.200,00

AFOGADOS DA INGAZEIRA 2.016.850,00

IGUARACI 1.615.000,00

SÃO JOSE DO EGITO 1.443.050,00

BREJINHO 1.416.450,00

SÃO JOSÉ DO BELMONTE 1.401.250,00

SERTÂNIA 1.389.850,00

QUIXABA 1.367.050,00

ÁGUAS BELAS 1.388.900,00

TABIRA 1.299.600,00

SOLIDÃO 1.293.900,00

ITAPETIM 1.278.700,00

CARNAÍBA 1.267.300,00

CALUMBI 1.185.600,00

TRIUNFO 1.184.650,00

FLORES 1.119.100,00

TUPARETAMA 1.021.250,00

INGAZEIRA 963.300,00

STA CRUZ DA BAIXA VERDE 953.800,00

BETÂNIA 912.950,00

SANTA TEREZINHA 859.750,00

 

Clique aqui e veja a relação completa.

Deixar um Comentário