Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?



Manhã Total explica cadastramento do Coronavoucher: assista

Publicado em Notícias por em 31 de março de 2020

 

O programa Manhã Total, que apresento na Rádio Pajeú, vai buscar explicar como será feito o cadastramento para pagamento da bolsa de R$ 600 para informais, que foi apelidada de “Coronavoucher”. As prefeituras ficarão responsáveis por cadastrar os informais. Participam o prefeito José Patriota, também Presidente da AMUPE, as Secretárias Flaviana Rosa (Administração) e Joana Darck Freitas (Assistência Social). As orientações servirão de base para outras cidades.

Pelo texto, a trabalhadora informal que for mãe e chefe de família terá direito a duas cotas, ou seja, receberá R$ 1,2 mil por mês, durante três meses. A proposta estabelece uma série de requisitos para que o autônomo tenha direito ao auxílio.

Segundo o projeto, o trabalhador precisa ter mais de 18 anos, cumprir critérios de renda familiar e não pode receber benefícios previdenciários, seguro desemprego nem participar de programas de transferência de renda do governo federal, com exceção do Bolsa Família. A proposta estabelece ainda que somente duas pessoas da mesma família poderão receber o auxílio emergencial. Para quem recebe o Bolsa Família, o programa poderá ser substituído temporariamente pelo auxílio emergencial, caso o valor da ajuda seja mais vantajosa.

O projeto também autoriza o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a antecipar R$ 600 para as pessoas na fila do Benefício de Prestação Continuada (BPC), durante o período de três meses.

Também autoriza o INSS a antecipar um salário mínimo para as pessoas que estejam na fila do auxílio-doença, durante o período de três meses, desde que sejam cumpridos alguns requisitos.

Deixar um Comentário