Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?



Ford Ecosport, o rei dos SUV’S

Publicado em Notícias por em 22 de maio de 2020

Post oferecido por FBS

Foto: Pixabay

Decidir qual o modelo de carro que você vai comprar é sempre um processo repleto de dúvidas. Afinal, não é um pacote de balas que se está um comprando, mas sim um item muito caro que pode comprometer durante anos o orçamento de uma família. Por isso, muitos escolhem comprar carros usados na hora de comprar ou trocar de carro, pensando justamente no preço da Tabela Fipe. Mas, para quem é apaixonado pelos carros da Ford, com certeza o Ford Ecosport é um dos carros da marca que são mais conhecidos e escolhidos para comprar.

O mundo automobilístico está presenciando um fenômeno atual que muitas pessoas nem imaginavam: as vendas dos SUVs aumentando consideravelmente, em detrimento dos antes extremamente populares e imbatíveis carros compactos. Esses carros sempre foram sucesso nos Estados Unidos, lugar de onde a fábrica Ford provém, mas agora eles vêm apresentando um desempenho ótimo em outros países.

O The New York Times, um dos jornais mais importantes dos Estados Unidos, disse que: “O mundo está abraçando os SUVs”. Muitos argumentos foram dispendidos para corroborar tal ideia, mas um dos que mais se destacam foi o que veio de uma empresa de pesquisa automotiva japonesa, a Jato Dynamics. Ela disse, depois de muitas análises, que um entre três carros comercializados no mundo são SUVs, o que demonstra uma dominância bastante significativa. Esse é um resultado que supera três vezes o alcançado há doze anos atrás, quando o modelo Ecosport já era um sucesso de venda.

A reportagem, apesar de elogiar o sucesso dos SUVs, toca na questão da sua pouca eficiência quando o assunto é economia de combustível. Se sabe que esses carros costumam gastar cerca de trinta por cento a mais para rodar do que veículos de tamanhos menores. Além disso, necessitam de um maior investimento em baterias e tecnologia caso queiram entrar na moda elétrica. Existem modelos de SUVs econômicos, como o Tesla X, eficiente e muito bom, mas é inviável para a grande maioria das pessoas, sendo caro até mesmo nos Estados Unidos. Em contrapartida dessa opção tão cara, o Ecosport vem se modernizando e se tornando mais acessível, o que contribuiu para o seu recente crescimento nas vendas.

Começo

A empresa Ford causou um grande furor no salão do automóvel realizado no ano de 2002, tendo o seu modelo Ecosport gerado grande expectativa e ansiedade. Numa época em que a internet ainda era uma novidade, as publicações impressas demonstraram para o público a novidade que o carro representava. A revista Quatro Rodas trouxe vários carros em sua capa, tendo o Ford Ecosport como destaque, tendo os seguintes dizeres em sua capa: “Mostramos em primeira mão a maior novidade do salão”, era o começo de uma nova era para os carros no Brasil.

O modelo abriu as portas no Brasil para a popularização dos SUVs compactos, que ocorreu nos anos posteriores. Assim que ele estreou no salão do automóvel de 2002, ele já mostrou para o que veio, levantando muitos questionamentos e muita curiosidade entre os possíveis clientes. Muito se escondeu até o seu lançamento oficial em 2003, tanto que as pessoas só tiveram acesso às fotos das revistas e a visão de longe do carro para os que foram ao evento. Muitos aspectos do carro eram mantidos em segredo, o que ajudava a manter e a criar ainda mais frenesi em torno desse carro utilitário barato, que despertava tanta curiosidade entre o público.

No mercado, sempre quando algo é escondido e é produzido uma boa campanha em cima da sua imagem, um ótimo tipo de marketing e que costuma dar muito certo já está feito. Isso ajudou para que o carro se tornasse uma lenda até os dias de hoje, agitando as vendas e elevando a marca a um status de liderança durante anos em seu seguimento. Isso com certeza é uma ótima junção de qualidade do produto com uma boa estratégia de publicidade.

Motores

Em conjunto com toda a situação, os motores do carro da Ford também foram motivos para especulação das pessoas e dos veículos de imprensa. Num primeiro momento, o carro surgiu com a versão 4×2, 1.0 Supercharger, de 95 cavalos, motor que também era algo novo e surpreendente em vários sentidos. Era um motor muito eficiente e que deixava os clientes muito satisfeitos (coisa importantíssima para o bom desempenho de um carro nas vendas).

O carro quando foi lançado custava o montante de trinta mil reais, sendo que o SUV que a concorrência oferecia aos clientes era 60% mais caro, o que o reafirmava como um utilitário barato. O Ecosport era um carro moderno, bom de andar, que cabia no bolso do brasileiro médio e o mais importante, tinha ganho o gosto do público.

Por a Ford ter usado a plataforma do Fiesta, muitas pessoas se perguntavam se a novidade do Eco era apenas ser um carro popular com uma suspensão levantada, mas logo ela mostrou que não. Apesar de que hoje em dia esse poderia ser um argumento válido (devido aos grandes avanços na tecnologia automobilística), naquela época de 2003 o carro obteve outro tipo de resultado e retorno.

Vendas

Com um resultado decorrente do grande interesse do público levantado durante a divulgação, juntamente com a própria qualidade do produto, obviamente, as vendas atingiram ótimos resultados. No primeiro ano, foram vendidos 27.200 exemplares. No ano passado, ele vendeu 31.195 unidades, sendo o 25° carro que mais vendeu no Brasil durante o ano. Nada mal esse número, levando-se em conta que a nossa economia está em estado de recessão durante anos e anos. Durante anos ele reinou absoluto, mas ainda continua firme e forte nos dias de hoje, com vendas expressivas e regulares.

Para os que acompanharam o nosso artigo falando do rei dos SUVs, o Ecosport, convidamos vocês para voltar ao nosso site e conhecer mais o nosso trabalho. Vocês não irão se arrepender!

Deixar um Comentário