Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Reclusa em Monteiro, Walkyria Santos tem evitado imprensa

Publicado em Notícias por em 8 de agosto de 2021

A cantora Walkyria Santos está reclusa na cidade de Monteiro, menos de uma semana depois de perder o filho, Lucas Santos, vítima de suicídio após ser alvo de hatters na Internet,  por conta de uma brincadeira nas redes.

Segundo contatos da artista,  ela ainda está muito abalada, diante da dor da perda do filho de 16 anos. Mesmo procurada por vários veículos de imprensa,  Walkyria tem evitado falar diante de seu estado emocional.

Em meio a dor da perda do filho Lucas Santos, de 16 anos, a cantora Walkyria Santos e a família iniciaram uma campanha para aprovar um projeto de lei na Câmara dos Deputados que criminaliza atuação de “haters” (pessoas que destilam comentários de ódio) na internet. O projeto de lei leva o nome do adolescente.

Nas redes sociais, Walkyria disse que essa será “mais uma batalha” e que “as pessoas não podem se esconder por trás da tela de um celular, disseminarem o ódio e ficar por isso mesmo”.

A PL 2699/2021 foi apresentada na quarta-feira (4) na Câmara pelo deputado federal Julian Lemos, da Paraíba, e prevê pena de um a quatro anos e multa para “aquele que usa a rede mundial de computadores, seja em redes sociais ou quaisquer meios de facilite sua propagação, para disseminar ódio ou proferir comentários discriminatórios de qualquer natureza, que cause dano a integridade psíquica da criança e do adolescente”.

Lucas foi encontrado morto na manhã de terça-feira (3). Em um vídeo postado no mesmo dia, Walkyria comentou que o filho havia publicado um vídeo no aplicativo Tik Tok e foi alvo de comentários ofensivos. “A internet está doente”, disse ela.

O jovem foi sepultado na manhã de quarta-feira (4) na Grande Natal. A mãe esteve no velório, mas, abalada, preferiu não ir ao enterro.

Deixar um Comentário