Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Morte de João Paraibano é lembrada na Câmara

Publicado em Notícias por em 3 de setembro de 2014

201408140808271408014747Em discurso na Câmara dos Deputados na tarde desta quarta, o Deputado Gonzaga Patriota lamentou a morte do poeta repentista João Paraibano. “João Paraibano sempre foi dono de um talento indiscutível. Com a viola em punho ele era capaz de desenhar quadros poéticos da mais bela inspiração. Seu parceiro de cantoria Sebastião da Silva fez uma sextilha em que disse: “É de Princesa Isabel/este vate popular;/pode ser príncipe dos versos/que Princesa é seu lugar/quem é filho de princesa/é príncipe aonde chegar”.

E continuou : “Poeta e repentista dos melhores de todos os tempos. Simples, bem inspirado, seguro na estruturação do verso, alinha-se no rol dos grandes nomes da cantoria nordestina. Era um dos astros permanentes no palco dos festivais de cantoria da região. Repentista nato sabia temperar com emoção e graça seus versos doces e espontâneos, que entravam em nossos ouvidos como um canto de sereia, enfeitiçando e seduzindo. Ninguém lhe nega o talento de poeta e a justa fama de cantador.

O poeta João Pereira da Luz, o João Paraibano, era um dos mais talentosos da atual safra de repentistas do Sertão do Pajeú. Paraibano de Princesa Isabel, radicado em Pernambuco, ele morava na cidade do Sertão de Pernambuco desde a década de 70. João deixou esposa, três filhos e três netos.

É uma enorme perda para a música e a cultura nordestina. Gostaria, Senhor Presidente, de encerrar esse meu discurso homenageando o grande repentista João Paraibano, citando seu belos versos: Das coisas mais importantes/Deus me deu três e eu aceito./O chão para os meus pés/a viola presa ao peito/e um castelo de sonhos/pra ruir depois de feito”, concluiu.

Deixar um Comentário