Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?



Carlos Veras responde Waldemar Borges reafirmando aliança com Paulo Câmara em Tabira

Publicado em Notícias por em 24 de agosto de 2020

O Deputado Federal Carlos Veras, Coordenador da aliança PT/PSB para a sucessão municipal em Tabira, falou a Anchieta Santos na Rádio Cidade FM sobre a afirmação de Waldemar Borges, Deputado Estadual, que disse não ter como confirmada a presença do Governador no palanque governista liderado pro Flávio Marques, uma vez que Paulo Câmara ficou surpreso com a aliança socialista com o Prefeito Sebastião Dias.

Inicialmente o parlamentar petista declarou respeitar Wal como importante liderança, mas acredita que ele está recebendo informações equivocadas sobre o processo sucessório em Tabira. E continuou: “Converso com o Governador Paulo Câmara sobre a unidade em nome de Tabira desde 2018. Eleito,  deixei claro que o Governador teria um deputado em sua base, desde que Tabira fosse olhada com outros olhos. Os frutos estão aí: reforma do terminal Rodoviário; R$ 4 milhões para o Campus do Polo da UFPE”.

Veras ainda adiantou que não vê contradição quando o PSB recebeu três vereadores aliados do prefeito Sebastião Dias e se fortaleceu ainda mais no município. Contradição mesmo, é  apoiar uma candidatura de terceira via, que estava na base do Governo Municipal até bem pouco tempo e saiu apenas por estratégia politica, disse sobre o apoio de Waldemar a Nelly Sampaio.

Carlos Veras disse ainda ter esperanças de que este bloco ainda venha se juntar ao projeto governista. O parlamentar não deixou de alfinetar os deputados federais que estão por trás das candidaturas adversárias. Não citou nomes, mas deixou claro que se referia a André Ferreira que apoia Nelly, e Fernando Monteiro, aliado do ex-prefeito Dinca Brandino, por apoiarem o governo Bolsonaro e segundo ele, votarem contra os direitos dos trabalhadores na Câmara Federal.

Deixar um Comentário