Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Sertânia: debate novo financiamento da Atenção Básica

Publicado em Notícias por em 11 de dezembro de 2019

A Secretaria de Saúde de Sertânia reuniu nesta terça-feira (10) a equipe da Atenção Básica com o intuito de explicar a nova forma de financiamento determinada pelo Ministério da Saúde. O objetivo da reunião foi articular com esses profissionais estratégias para que o município não retroceda no que diz respeito ao recebimento de recursos. A reunião foi conduzida pela coordenadora, Camila Ferreira.

Participaram do encontro, que aconteceu na Câmara de Vereadores, aproximadamente 100 trabalhadores da Atenção Básica, entre agentes de saúde, enfermeiros, técnicos de enfermagem, médicos, dentistas e auxiliares de saúde bucal, além da equipe do Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF).

Em geral, a nova forma de financiamento será por produção e cadastro da população. Cada Unidade Básica de Saúde da Família deve contemplar em média 2.750 pessoas.  Com foco nas que estão em situação de vulnerabilidade social, como os beneficiários do Bolsa Família e BPC. Também será avaliada a produção de atendimentos a gestantes, crianças e idosos.

O Ministério da Saúde terá acesso a essas informações por meio do SISAB, sistema que será abastecido pelas equipes da Atenção Básica. Os dados servirão de base para o repasse do dinheiro ao município.

A Atenção Básica de Sertânia está elaborando medidas para que o município não tenha sua verba diminuída e possa captar mais recursos financeiros. Uma das ações será a atualização mensal da população cadastrada, além de ser feita uma buscativa de todas as pessoas da área da UBSF, para que essas sejam beneficiadas com os serviços oferecidos na unidade.

A Secretaria de Saúde também está alertando aos sertanienses sobre a importância da atualização do cartão do SUS. A partir de 2020 qualquer atendimento ao cidadão só poderá ser feito com o cartão do SUS atualizado. Para isso, o paciente deve se dirigir a Secretaria de Saúde, Rua Rui Barbosa, nº 155, bairro Almirante Fernandes ou para o Hospital Maria Alice Gomes Lafayette.

Com essa reformulação, o Governo Federal deseja estimular o aumento da cobertura, mas não deixou claro como esse novo financiamento garantirá a qualidade dos atendimentos, pois a principal demanda da população no tocante aos serviços de saúde é não apena ter acesso a eles, mas tê-los de forma qualificada.

ARBOVIROSES:

Na oportunidade o gerente da Vigilância em Saúde de Sertânia, Luiz Alexandre apresentou aos profissionais da Atenção Básica informações sobre as arboviroses e quais ações devem ser adotadas para eliminar focos do mosquito Aedes Aegypti.

Deixar um Comentário