Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Primeiro ato: Petrolina recebe chapa governista. “Não dá pra voltar atrás”, diz Paulo Câmara

Publicado em Sem categoria por em 10 de março de 2014

petrolina2_1003

Os integrantes da chapa majoritária da Frente Popular de Pernambuco estiveram nesta segunda-feira em Petrolina, no Sertão do São Francisco. Os pré candidatos a governador e vice, Paulo Câmara (PSB) e Raul Henry (PMDB), e o indicado para disputa ao Senado, Fernando Bezerra Coelho (PSB), visitaram a Facape, a UPE e depois participaram de uma plenária no auditório do Senai, que reuniu mais de 500 pessoas.

Prefeitos e vereadores de toda a região, deputados federais (Fernando Filho e Gonzaga Patriota, PSB) representantes dos movimentos sociais e estudantes lotaram o espaço.

O primeiro compromisso de Paulo, Raul e Fernando foi no Diretório Central dos Estudantes da Facape, o DCE Mansueto de Lavor. Eles foram recebidos pelo presidente da entidade, o estudante de Direito Adon Jones, que entregou ao grupo uma série de reivindicações. Os três receberam o documento e garantiram que o diálogo com os estudantes está aberto, para que novos debates possam acontecer.

 petrolina1_1003

Na sequencia ele foram para a UPE, e puderam conversar com professores, que sugeriram a participação de um grupo de docentes na equipe que irá elaborar o plano de governo da Frente Popular. “Para nós é um privilégio poder contar com esta colaboração. Nos sentimos muito felizes em contar com a colaboração de quem produz conhecimento e inteligência para o país”, disse Raul Henry, um defensor da bandeira da educação no Brasil.

Por volta das 18h30 chegaram ao auditório José de Souza Coelho, onde já eram aguardados por centenas de pessoas. “Estou feliz em ver tanta receptividade de Petrolina e do Sertão do São Francisco. Foi aqui, em 2006, que demos a primeira vitória a Eduardo Campos. Aqui começou aquela caminhada vitoriosa. Agora queremos continuar trabalhando para desenvolver ainda mais nossa região”, disse Fernando Bezerra.

Paulo Câmara defendeu o legado dos oito anos de Eduardo Campos e disse que pretende avançar ainda mais, especialmente, nas políticas públicas com foco social. “Sabemos que ainda tem muito para fazer, mas não dá para correr riscos e voltar atrás. Vamos caminhar com humildade, sempre. Ouvindo as pessoas, dialogando, como sempre fizemos. É assim que a Frente Popular se comporta”, afirmou.

Deixar um Comentário