Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Secretário estuda grama sintética para o Pereirão

Publicado em Notícias por em 30 de janeiro de 2021

O Secretário de Esportes Nailson Gomes disse ao programa Revista da Cultura que avalia a possibilidade de grama sintética para o Estádio Pereirão.

Segundo ele, a decisão depende de uma avaliação sobre as vantagens e desvantagens do modelo.

A principal vantagem da grama sintética em relação à natural é a facilidade de manutenção, após o custo de aplicação. O grande desafio é achar um tipo que se adeque às questões climáticas, já que a maioria dos modelos sintéticos esquentam demais.

Segundo Nailson, serão estudados projetos como os de Atlético Paranaense e Palmeiras, únicos times de Série A com esse tipo de grama nos seus estádios. Ele também vai aferir um modelo em Juazeiro.

Já o vereador Zé Raimundo, Presidente do Serra Talhada, disse que a tecnologia tem avançado e pode ser uma iniciativa plausível. “No caso do gramado o projeto de reuso da água também é alternativa”.

O programa teve a participação do Deputado Federal Fernando Monteiro, do Progressistas, que garantiu a emenda para requalificação do estádio. Ele destacou que aguarda o projeto a ser entregue pelo Secretário para fazer o aporte através de emenda no orçamento.

Os Deputados Federais Gonzaga Patriota e Kaio Maniçoba liberaram após provocação do radialista Francys Maya R$ 550 mil em emendas. Os R$ 300 mil já estão investidos em vestiários e cabines de rádio. A emenda de Gonzaga Patriota ainda não foi liberada. Os recursos da emenda de Fernando priorizarão gramado e iluminação em LED.

Zé Raimundo disse ter tido reunião importante na Federação Pernambucana e colocou a reforma do estádio como fundamental para o Serra Talhada FC voltar a ter protagonismo no futebol pernambucano.

Deixar um Comentário