Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Prefeito de Cabrobó e Secretária participam de seminário ‘Pernambuco pela Educação’

Publicado em Notícias por em 18 de dezembro de 2017

O prefeito Marcílio Cavalcanti e a Secretária de Educação de Cabrobó Lorena Sampaio participaram nesta segunda-feira (18) do seminário “Pernambuco pela Educação” realizado em Petrolina.

O objetivo do evento foi debater a alfabetização no estado e contou com a presença do Ministro da Educação, Mendonça Filho; gestores públicos, professores e empresários.

“Na semana passada, Cabrobó foi premiada por práticas exitosas nas cinco modalidades exigidas pelo Programa Educação Integrada em parceria com o Governo do Estado: Educação Infantil, Anos Iniciais, Anos Finais (Regular) e Anos Finais (Integral), com destaque para a nossa Educação Infantil. Investimos 32% na educação, média acima da aplicada em outros municípios”, pontuou o prefeito.

“Estamos acertando a educação em Cabrobó. Implantamos em fevereiro deste ano, a Escola de Tempo Integral e ano que vem receberemos uma Escola Técnica Federal”, completou. Entre as ações realizadas na educação do município ainda estão melhor qualidade na merenda; recuperação da frota dos ônibus escolares; e a nucleação de algumas unidades escolares melhorando a assistência educacional.

Em Cabrobó estão matriculadas na educação infantil e ensino fundamental (do 1º ao 5º ano) quase 3.500 crianças e apesar dos avanços, a secretária de educação afirma que a alfabetização necessita de mais investimentos. “A gestão municipal investiu muito na educação nesse primeiro ano de governo, ainda assim precisamos aumentar o número de formações de professores das séries iniciais para qualificar o aprendizado”, destacou Lorena Sampaio.

Os presentes acompanharam a palestra do presidente do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), Marcos Magalhães, um dos principais defensores do ensino integral. Ele fez um panorama da educação em Pernambuco. “Em 2007 Pernambuco ocupava 21ª posição entre 27 estados no Índice de Educação Básica (IDEB), em 2015 chegou ao primeiro lugar”, Magalhães creditou essa progressão à implantação das Escolas de Tempo Integral.

Deixar um Comentário