Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Em Ouricuri, luto com a morte de Mestre Aprígio aos 79 anos

Publicado em Notícias por em 28 de julho de 2020

Ouricuri (PE), no Sertão do Araripe, perdeu no dia de ontem (27) um grande representante na área cultural. Faleceu, aos 79 anos, o artesão José Aprígio Lopes. Ele estava internado no Hospital Regional Fernando Bezerra há sete dias. Até então, não se sabe a causa da morte.

Mestre Aprígio, como era carinhosamente conhecido na cidade, no estado, e no Brasil, fez do couro sua arte, desenvolvendo chapéus para artistas da música como Luiz Gonzaga, Gonzaguinha e Alcymar Monteiro.

Recentemente, recebeu do governo estadual o título de ‘Patrimônio Vivo de Pernambuco’, concedido pelo governador Paulo Câmara no dia 16 de agosto de 2019. Exames são aguardados para a confirmação da causa do óbito.

O governador Paulo Câmara externou luto por seu falecimento: “O convívio com os vaqueiros desde a infância, no Sertão pernambucano, e seu grande talento para o artesanato, fizeram do Mestre Aprígio um dos maiores artistas brasileiros no trabalho com o couro. Autor de lindas peças, seus chapéus, gibões e sandálias vestiram nomes como Luiz Gonzaga, Gonzaguinha e Dominguinhos, entre tantos outros. Eleito Patrimônio Vivo de Pernambuco em 2019, seu legado permanecerá como uma referência indelével no cenário artístico e cultural do nosso Estado. Quero me solidarizar com seus familiares e amigos neste momento de dor”.

Deixar um Comentário