Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Buíque: vacinação contra a Covid-19 começa com um dos médicos mais antigos

Publicado em Notícias por em 20 de janeiro de 2021

Dr. Waldemir Cursino Galvão, 72 anos, um dos médicos mais antigos do município, servidor público municipal, que atua na Maternidade Alcides Cursino no atendimento às gestantes suspeitas de COVID-19, foi o primeiro a ser vacinado contra o novo coronavírus em Buíque, no início da tarde desta quarta-feira (20). 

A vacina Coronavac/Butantã foi aplicada pela técnica de enfermagem e responsável pela distribuição das vacinas no município, Vanessa Resende. Emocionado, Dr. Waldemir disse que além da emoção de receber a primeira vacina, tinha a responsabilidade de recomendar a todos que se vacinem.

Na sequência foram vacinados o técnico de enfermagem Adarivan Cassiano da Silva, 55 anos, que atua hoje no Hospital Municipal Maria Deci Macedo Valença. O terceiro a ser vacinado foi Paulo Ângelo, 26 anos, responsável pelo Centro de Testagem da Covid-19 de Buíque. A quarta buiquense a receber a vacina Coronavac/Butantã, representando a população indígena Kapinawa, foi a indígena e trabalhadora da saúde Miranda Elísia Beserra Andrade, de 28 anos.

A aplicação da vacina aconteceu logo após a apresentação do Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19, no auditório da Escola Técnica Estadual Jornalista Cyl Galindo com as presenças do prefeito Arquimedes Valença; da secretária de Saúde, Janice Rodrigues; os vereadores Elson Francisco, Aline de André, Preto de Kapinawa, Peba do Carneiro, Barão, Felinho da Serrinha, Cidinho, além da coordenadora do Programa Nacional de Imunização, Michelle Novaes, que fez a apresentação do plano e da campanha de vacinação no município.

Em sua fala, o prefeito Arquimedes Valença destacou a importância da vacinação conclamando as pessoas que fazem parte dos grupos prioritários se imunizarem. Disse que, como não faz parte do primeiro grupo de prioridades, não vai se vacinar agora, mas assim que chegar a sua vez será um dos primeiros. O prefeito tem 73 anos e entra no último grupo de idosos a serem vacinados.

Pelo plano municipal de imunização contra a Covid-19, a meta mínima para Buíque é vacinar 90% dos grupos prioritários para a vacinação, que corresponde a 3.556 na 1ª fase, 4.101 na 2ª fase, 1.917 na 3ª fase e cerca de 2.500 nas demais fases, totalizando 12.074 pessoas no Município.

Nesse primeiro lote Buíque recebeu 2.848 doses da Coronavac/Butantã, sendo que deste total 2.290 doses foram destinadas para a população indígena dos Kapinawa, seguindo determinação do Governo do Estado. As demais 358 doses foram destinadas aos trabalhadores da linha de frente no combate a Covid-19 que atuam no Hospital Municipal Maria Deci Macedo Valença e na Maternidade Alcides Cursino que irão beneficiar 179 trabalhadores da saúde. Os demais serão imunizados com a vinda de novas doses.

Deixar um Comentário