Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

O Blog e a História: Afogados já deu vexame no futebol

Publicado em Notícias por em 1 de março de 2020

O Blog noticiou em 4 de setembro de 2006: O Afogadense começou mal a segunda fase do campeonato pernambucano da Série A-2. A equipe levou de 5 x 1 do Surubim e ainda teve seu melhor jogador, Rogério, expulso no final do jogo.

Para os comentaristas de plantão, o resultado reflete a desorganização da Diretoria e a falta de respeito ao elenco, que reclama da falta de condições de treino, alojamento e salários atrasados.

Depois, derrota por WxO: O Afogadense perdeu por W x O para a equipe do América de Goiana nesta quinta-feira pelo Campeonato Pernambucano da Série A-2. Motivo : ausência da apresentação do registro no CRM (Conselho Regional de Medicina).

A médica Maria José, foi chamada de última hora pela Diretoria do clube, depois da lacuna deixada pelo médico Edson Moura Júnior, que teve que participar de um Congresso. Como a médica não portava o documento, cuja apresentação para o árbitro e para o Delegado da Federação Pernambucana é obrigatória, o juiz Alberto Siabra esperou 30 minutos e deu a partida por encerrada.

Jogadores ficaram revoltados com a diretoria, que só percebeu o problema em cima da hora. Torcedores revoltados buscaram receber o dinheiro de volta. Com a derrota o Afogadense, que havia perdido para o Surubim na estreia por 5 a 1, ficou praticamente fora da disputa. Em 8 de setembro de 2006.

José Raimundo, que também é Secretário de Esportes na cidade, exibe hematoma na barriga após confusão com torcedores (Foto: André Vinícius / TV Asa Branca)

Quando sobrou pra Zé Raimundo: Terminou de maneira feia a vitória do Serra Talhada por 1 a 0 diante do Campinense na tarde deste domingo, no Estádio Nildo Pereira, pela 8ª rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

Após o apito final, alguns torcedores da Raposa se envolveram em confusão com a Polícia Militar, que precisou usar bomba de efeito moral e tiros de bala de borracha para conter os vândalos.

O presidente do Serra Talhada, José Raimundo foi agredido com um soco na orelha e um pontapé na barriga e depois da partida foi prestar queixa na Delegacia Seccional de Serra Talhada. Segundo o Globoesporte.com, ele foi encaminhado para o hospital para realizar exame do corpo de delito. Durante a confusão, três torcedores do Campinense foram detidos e encaminhados à Delegacia.

Contra eles,  foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Segundo a polícia, eles foram liberados em seguida. Em, 31 de agosto de 2015.

Deixar um Comentário