Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Em Pernambuco Dilma ultrapassa Marina segundo pesquisa da Maurício de Nassau

Publicado em Notícias por em 25 de setembro de 2014

010914eleicoes

A presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, virou o jogo em Pernambuco a seu favor, de acordo com a última pesquisa do Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau (IPMN). A petista aparece com 43% da intenção de voto; Marina Silva, candidata pelo PSB, tem 40%. Na consulta publicada no dia 12 de setembro, a candidata do PSB ainda mantinha-se num cenário positivo e estável: 41% contra 37%. Já o candidato presidencial do PSDB, Aécio Neves, oscilou positivamente dentro da margem de erro (dois pontos percentuais para mais ou para menos), aparecendo com 4%.

Os três pontos percentuais de vantagem de Dilma Rousseff acompanham as pesquisa nacionais, em que a petista apresenta uma leve recuperação sobre a socialista. De acordo com o professor da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), o cientista político Adriano Oliveira, um dos coordenadores da pesquisa, pesa contra a petista a sua rejeição nas áreas de maior densidade eleitoral.

No Recife, 32% dos eleitores entrevistados disseram ter medo que a petista ganhe as eleições presidenciais. Marina Silva é a que apresenta o menor percentual se comparado a Dilma e Aécio, pontuando 13%. Na RMR, excluindo a capital, a mesma tendência: Dilma (29%), Aécio (13%), Marina (11%).

É no Sertão e região do Rio São Francisco que Dilma Rousseff (PT) vive a situação mais confortável. Nessas regiões, ela tem alto índice de intenção de voto e baixa rejeição. A petista aparece com 70% da intenção de voto no Sertão; Marina tem 24%. No São Francisco, tem 60%, enquanto a socialista aparece com 33%.

“A dificuldade da presidente Dilma está na Região Metropolitana e, por isso, ela perde espaço para Marina, que cola a sua imagem ao do ex-governador Eduardo Campos”, ponta Adriano.

Realizada entre os dias 22 e 23 de setembro, a penúltima pesquisa do IPMN, encomendada pelo Portal Leia Já e publicada em parceria com o Jornal do Commercio, foi registrada sob o número BR-00743/2014. Foram feitas 2.480 entrevistas. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Deixar um Comentário