Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Marcos Oliveira : Até a Sebastião Oliveira ex-prefeito Carlos Evandro pediu ajuda na novela de suas contas.

Publicado em Sem categoria por em 27 de fevereiro de 2014

Carlos-Evandro_Luciano-Duque-422x330

por Marcos Oliveira*

Enquanto toda a população de Serra Talhada espera que essa  novela da votação das contas do ex-prefeito Carlos Evandro tenha sua conclusão  parece que  o capítulo final ainda não será hoje.

Por incrível que pareça, o que se comenta é que mais uma manobra está sendo feita para que a votação das contas do ex-prefeito sejam novamente adiadas.

As últimas informações são de que a Câmara não conseguiu notificar Carlos Evandro. Sem essa notificação as contas não poderão ser colocadas em votação .É lamentável caso isso venha ocorrer. Será vergonhoso  para Câmara  e para os vereadores  se hoje não for colocado um ponto final nessa  situação  desgastante que passa o Legislativo.

Segundo o presidente José Raimundo está tudo certo, dentro da  normalidade  e que  votação vai realmente acontecer hoje. As contas já estão  a  quatro meses esperando ser votadas.

O  Tribunal de  Contas rejeitou as contas de 2008 do  ex – prefeito por vários motivos.  Entre eles: o descumprimento  do limite mínimo de aplicação de 25% das receitas de impostos na educação e 15% na saúde, descumprimento dos princípios  da responsabilidade fiscal, comprovação de prestadores de  natureza permanente recebendo por empenho sem qualquer contrato configurando burla ao concurso público, ausência de comprovação de despesas com publicidade e com shows artísticos entre outras irregularidades. Sem ter mais a quem recorrer e vendo a eminente reprovação de suas contas pela Câmara,  Carlos Evandro chegou ao ponto  de pedir ajuda ao Deputado Sebastião Oliveira. Este  lavou  as mãos.

O Tribunal pede ainda a devolução por parte de Carlos Evandro de quase R$ 1 milhão aos cofres públicos de Serra Talhada. Informações dão conta de que até a Prefeitura Já notificou o ex-prefeito. O  prefeito Luciano Duque disse querer fazer calçamento com esse dinheiro.

Vamos esperar que os vereadores cumpram com o seu papel que é zelar os interesses da população e não atuar como cão de guarda do ex-gestor, descumprindo a recomendação do Tribunal de Contas e fazendo da Câmara, a casa do povo um circo e do eleitor um verdadeiro palhaço.

* Marcos Oliveira apresenta seu comentário no programa A Voz da Notícia e o reproduz em nosso blog

Deixar um Comentário