Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

O balanço da gestão Eduardo Campos

Publicado em Sem categoria por em 4 de abril de 2014

b3b85a8dd7ce6dc42f512dc1871bbaae

do JC Online

Herdeiro de um legado deixado pelo avô Miguel Arraes, uma das figuras mais importantes da nossa política, Eduardo Campos passou sete anos e três meses no comando do Estado. Neste período conquistou uma hegemonia que tem poucos precedentes na história recente de Pernambuco. Hoje, ele não tem arestas com os demais poderes.

Conseguiu eleger o prefeito do Recife, um técnico de sua confiança. Quer, agora, fazer o mesmo com o governo estadual, para o qual indicou também um auxiliar de primeira linha. Rompeu com o governo federal do PT e tenta por em prática o seu projeto maior que é a Presidência da República.

Ao longo de seus dois governos, Eduardo Campos obteve resultados positivos em várias áreas, sobretudo na segurança, com um programa, o Pacto Pela Vida, que hoje é referência nacional. Reativou a economia de forma significativa. Obteve avanços, mas também deixa pendências em setores sensíveis como saúde, educação e mobilidade.

Deixar um Comentário