Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Gonzaga Patriota lamenta morte de Sérgio Guerra

Publicado em Sem categoria por em 6 de Março de 2014

sergio-guerra

O deputado Gonzaga Patriota (PSB/PE), apresentou requerimento à Mesa da Câmara dos Deputados, pedindo o levantamento da sessão ordinária de hoje, em homenagem ao Deputado Sérgio Guerra (PSDB), falecido na manhã desta quinta-feira (6), no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, vítima de câncer no pâncreas.

Gonzaga Patriota que, como membro da Mesa Diretora, presidiu a sessão da Câmara dos Deputados, antes de suspender os trabalhos da Ordem do Dia, abriu a palavra aos deputados presentes que, se somaram às homenagens do socialista pernambucano, a começar pelo cearense Mauro Benevides (PMDB), seguido dos deputados Izalci (PSBD/DF), Amauri Teixeira (PT/BA), Jorginho Mello (PR/SC), Onofre Santo Agostini (PSD/SC) e Domingos Dutra (SDD/MA).

Gonzaga Patriota, em homenagem ao líder dos Tucanos, lembrou que Sérgio Guerra, sempre desempenhou com muita competência e desenvoltura os seus mandatos de deputado estadual, federal e senador da república, pelo Estado de Pernambuco.

Patriota lembrou ainda que entre 1982 e 1986, teve a honra de ser vice-líder de Sérgio Guerra na Assembleia Legislativa de Pernambuco, pelo velho MDB, tendo ao final desse mandato, o Partido da resistência eleito a maior bancada de deputados federais, no Estado de Pernambuco.

O deputado socialista relatou sua intimidade com o Tucano, desde os idos de oitenta, inclusive, tendo residido com o mesmo, em apartamento da Câmara, durante os anos de 1995 a 1998, quando ambos estavam temporariamente divorciados.

“Sérgio Guerra deixa um legado que dificilmente outro político possa, em espaço curto de tempo, dar continuidade. Rápido nas negociações, respeitado e acreditado pelo mundo político, em todas as suas esferas e, o mais importante, acreditado por governos, correligionários, adversários e, principalmente, por seus eternos eleitores“, disse Patriota, pedindo muitas orações para o seu amigo e líder Sérgio Guerra.

 

Deixar um Comentário