Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

A segurança pública de Afogados da Ingazeira e região foi tema no Debate das Dez da Pajeú

Publicado em Sem categoria por em 22 de janeiro de 2014

J

Hoje (22) nos estúdios da Pajeú, o Major Clodoaldo José da Silva, subcomandante do 23º BPM e o Tenente Matias, chefe da Guarda Municipal de Afogados da Ingazeira, falaram sobre a segurança pública em Afogados e região, temas como: municipalização do trânsito, integração das polícias Civil, Militar e Guarda Civil Municipal, índice de criminalidade e o Pacto Pela Vida, foram amplamente debatidos.

Major Clodoaldo fez uma avaliação positiva do Pacto Pela vida na região do 23º BPM, disse ter havido uma redução no índice de crimes contra a vida e atribui isto ao trabalho integrado das polícias e no aumento de apreensões de armas de fogo e drogas.

Major Clodoaldo disse ainda ter havido uma redução de 14% na redução de crimes letais contra a vida.

“Tivemos esses resultados não só no nível de homicídios, como também no tráfico de drogas”, Disse Major Clodoaldo que continuou, “Quando há uma maior apreensão nas armas de fogo e drogas consequentemente se diminui os outros crimes”.

Tenente Matias informou que o papel da Guarda Civil é cuidar do patrimônio público, mas por se tratar de uma cidade festiva, tem tido de atuar auxiliando as polícias, como no caso do trânsito no município.

Tenente Matias informou ainda que o local mais complicado é a Praça Arruda Câmara, por se tratar do cartão postal da cidade, mas disse que muitas das denuncias de depredação, não são verídicas e sim ações causadas pela alta temperatura.

Com relação a crimes contra as mulheres, Major Clodoaldo disse que realmente tem aumentado o índice deste tipo de ocorrência, mas que o estado tem feito várias campanhas no sentido de orientar e prevenir esse aumento.

Major Clodoaldo disse ainda que é de suma importância que as vitimas procurem o mais rápido possível denunciar estes crimes para que a policia possa agir o mais rápido possível podendo assim, evitar que venha acontecer o pior.

Major Clodoaldo informou que a área do 23º esta hoje em quarto lugar no ranking do estado relativo a  redução deste tipo de crime e que isso se dá por conta da forma preventiva que as polícias tem agido.

Major Clodoaldo pediu ajuda para a população no sentido de que denunciem o crime contra a mulher, pois isto poderá salvar a vida de uma pessoa.

Major Clodoaldo confirmou que há vitimas que não denunciam ou por medo, ou por gostar do agressor .

“Quanto mais rápido a gente tomar conhecimento, mais rápido tomaremos as medidas necessárias”, disse Major Clodoaldo.

Com relação ao aumento de denuncias de depredações em órgãos públicos como a Academia das Cidades no bairro São Francisco e algumas quadras poliesportivas do município, Tenente Matias, informou que houve uma redução no quadro da GCM, redução essa causada pela transição de governo e que isso impossibilita uma maior cobertura dos órgãos e praças públicas da cidade.

Tenente Matias pediu compreensão da população e que a mesma ajude na fiscalização desses logradouros, já que os mesmo são de todos e quem perde com essas depredações é a própria população, que deixa de ter um espaço para o lazer.

Tenente Matias ainda sobre a redução do efetivo disse, “precisamos de um aumento no efetivo da GCM, para que possamos agir de forma preventiva”.

Tenente Matias informou ainda que hoje o efetivo da GCM está com cinquenta guardas efetivos e trinta contratados.

Sobre a ação da GCM no Trânsito, Tenente Matias disse que estão auxiliando a polícia militar agindo de forma educativa e que as maiores irregularidades e denuncias se dão do estacionamento irregular e o transporte alternativo.

Falando sobre trânsito, Major Clodoaldo informou que tem aumentado consideravelmente o número de acidentes e que isso é preocupante.

Major Clodoaldo informou ainda que os acidentes tem aumentado por conta da imprudência e condutores não habilitados

“O numero de acidentes de trânsito tem aumentado e isso é muito preocupante, geralmente por conta de embriaguez e condutores não habilitados, acidentes com motos são mais comuns. O trânsito esta matando mais do que qualquer outra situação”, disse Major Clodoaldo.

Major Clodoaldo disse que as estatísticas tem relatado o aumento de mortes no trânsito e que de 2013 para 2014 houve um aumento de 47 acidentes com lesões graves.

Major Clodoaldo informou que a maioria dos acidentes tem acontecido de madrugada, justamente na volta das festas e pediu para que as pessoas se conscientizem dos perigos de se dirigir após o consumo de bebida alcoólica.

“O cidadão precisa refletir sobre a sua segurança e dos outros também, é preciso se pensar mais na coletividade”, disse Major Clodoaldo.

Clique aqui e ouça o Debate na íntegra

Do Portal Pajeú Rádio Web

Deixar um Comentário