Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Ganhe o Mundo: 50 alunos da rede estadual de ensino embarcaram hoje para os EUA

Publicado em Notícias por em 5 de janeiro de 2016
Foto: Roberto Pereira/SEI

Foto: Roberto Pereira/SEI

Paulo Câmara participou do primeiro embarque de 2016 do Programa Ganhe o Mundo, nesta terça (5)

Um grupo de 50 alunos da rede estadual de ensino está comemorando não apenas o ano novo, neste começo de 2016, mas novas experiências e uma nova “casa”. Eles embarcaram na manhã desta terça-feira (5), rumo aos Estados Unidos, para estudar durante um semestre letivo em escolas de nível médio de 20 estados americanos. O primeiro embarque de 2016 do Programa Ganhe o Mundo foi acompanhando de perto pelo governador Paulo Câmara, que esteve ao lado do secretário de Educação, Fred Amâncio, no Aeroporto Internacional dos Guararapes – Gilberto Freyre.

“Eles estão indo para o exterior por mérito próprio, porque estudaram, se dedicaram e acreditaram que é possível realizar um sonho. Vão aprender uma segunda língua e cultura, e vão voltar sabendo que, com dedicação, estudo e força de vontade podem alcançar qualquer objetivo. Esse é o maior legado que o Governo do Estado pode deixar aos alunos da rede pública, porque são eles que, no futuro, vão comandar o destino deste Estado e desta nação”, arrematou Paulo Câmara.

Para o chefe do Executivo pernambucano, é importante estimular a vontade de realizar sonhos. “Os alunos da rede pública, e já são quase quatro mil deles que ganharam o mundo, estão tendo essa oportunidade e com certeza estão contribuindo para que seus colegas, seus amigos, as pessoas do seu bairro e do ambiente familiar possam ver que é possível acreditar nos sonhos. O Ganhe o Mundo busca alimentar essa ideia. É assim que se alcançam objetivos e que se é feliz nessa vida”, pontuou.

O grupo, formado por 29 meninas e 21 meninos, reúne estudantes de 14 municípios. São eles: Abreu e Lima, Araçoiaba, Igarassu, Itamaracá, Itapissuma, Olinda, Paulista, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Moreno, São Lourenço da Mata e do Recife. O embarque desta terça-feira é referente à edição 2015 do programa, que encerra o ciclo de embarques em março deste ano.

O aluno Jhoy Pereira. Foto: Roberto Pereira/SEI

O aluno Jhoy Pereira. Foto: Roberto Pereira/SEI

Aluno da Escola Brasileiro José de Carvalho, Jhoy Pereira, 16 anos, está bem consciente do que vai trazer de volta “na bagagem”. “Se você parar para analisar não é só aprender inglês ou ir para outro país. Você vai trazer na sua bagagem também a cultura e outras formas de tratamento e atitude. Vamos como meninas e meninos, mas voltaremos como homens e mulheres, porque somos nós sozinhos lá, e isso é um avanço importante na vida, quando você se desprende um pouco dos pais e voa com suas próprias asas”, disse o estudante que sonha em ser juiz de direito.

Com o coração fora do lugar. Foi assim que a dona de casa Carla Alves descreveu a emoção de embarcar o filho primogênito, Caio Ferreira. Aluno da Escola Técnica Almirante Soares Dutra, o estudante foi um dos selecionados pelo Programa Ganhe o Mundo, para fazer intercâmbio nos Estados Unidos. Ao lado do esposo, o motorista carreteiro Rivaldo Silva, a mãe agradeceu a oportunidade proporcionada ao filho.

“Seria um pouco difícil porque o custo de vida lá é muito caro, a gente não teria condições. Ele teria que lutar muito ou ficar de maior para poder conquistar um sonho desses. Estas mães que estão aqui comigo estão numa felicidade muito grande pelo esforço que eles (filhos) fizeram. Eles podem dizer que são mais que vitoriosos”, comemorou a Carla Alves, orgulhosa, exibindo junto com tios, avós e primos uma camisa com a foto de Caio.

GANHE O MUNDO 2016 – Ao afirmar que o Ganhe o Mundo é um programa que “veio para ficar”, o governador Paulo Câmara garantiu a manutenção do programa em 2016, inclusive, com a ampliação da oferta de vagas para a versão Ganhe o Mundo Esportivo e o envio dos primeiro alunos do Ganhe o Mundo Musical. “Este é um programa que veio para ficar e que, com certeza, está marcando história na vida desses meninos e na escola pública pernambucana, e que a gente tem como meta mantê-lo vivo e funcionando, e alimentando sonhos. Isso é que é o importante”, cravou.

Secretário de Educação, Fred Amâncio afirmou que o PGM será fortalecido, uma vez que é uma prioridade do Governo do Estado. “Mesmo com todos os desafios, há uma decisão do governador Paulo Câmara de manter o programa integralmente em 2016. Além da ampliação do Ganhe Esportivo, que em 2015 enviou 11 alunos e vai enviar mais 20 este ano, temos a novidade que é o Ganhe o Mundo Musical. Devemos enviar em agosto um grupo de 10 estudantes que vão estudar e também se desenvolver na área de música. Também estão mantidos os mil estudantes para os próximos anos, assim como os oito países que trabalhamos como destinos”, detalhou Amâncio.

PGM – Desde a sua criação, em 2011, o programa já beneficiou mais de 3,9 mil estudantes do ensino médio da rede estadual. Os intercambistas têm todas as despesas pagas pelo Governo do Estado, desde passagem aérea, até hospedagem em casa de família, além de matrícula em escola de ensino médio, seguro de saúde e uma bolsa mensal no valor de R$ 719,00.

Comentário(s) (1)

Trackback | Comentários RSS

  1. É muito gratificante ver nossos filhos vencendo na vida mesmo sabendo que não teríamos como manda-los para outro país, Deuso é Deus só ele faz essas coisas glooooriaaa.

Deixar um Comentário