Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Postagens recentes

Disputando votos, Ângelo Ferreira e Anchieta Patriota acompanham passos de Paulo Câmara no Pajeú

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

01

Pré-candidatos a estadual estiveram colados na agenda de Paulo Câmara no Pajeú, para sair bem na foto.

Ângelo Ferreira participou dos compromissos em Serra Talhada e São José do Egito, com a “Agenda 40”,Em Sertânia um almoço festivo marcou o encontro de Câmara, com lideranças comunitárias, empresários e políticos.

O ex-prefeito de Carnaíba e pré-candidato a deputado estadual Anchieta Patriota, também acompanhou a programação no Pajeú. Ele destacou as ações que foram feitas no governo Eduardo Campos nas áreas de educação e saúde.

“Nosso estado avançou muito nestes sete anos e meio de governo e precisamos dar continuidade a estas conquistas com Paulo Câmara governador”, disse Anchieta.

IMG_7585

A passagem de Paulo Câmara por essas cidades conseguiu unir lideranças políticas que tradicionalmente militavam em campos opostos, em São José do Egito os ex-prefeitos José Marcos de Lima e Evandro Valadares.

Em Serra Talhada o deputado estadual Sebastião Oliveira (PR) e o ex-prefeito Carlos Evandro e em Sertânia o deputado Ângelo Ferreira (PSB) e o ex vice-prefeito Nelson Rufino e família estiveram juntos em apoio a candidatura de Câmara.

Clique aqui e comente sobre isto

Pedro Eugênio vem a Serra Talhada oficializar apoio de Duque

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

images-7-a9-7a9393a6033c5ef8d62d3895b47fab9f23ff3612

O deputado Pedro Eugênio (PT) vai marcar uma visita a Serra Talhada para receber o apoio oficial do prefeito Luciano Duque (PT), que é um dos seus grandes amigos no partido.

Clique aqui e comente sobre isto

PT deixa vermelho de lado e “amarela”

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

20140525150829733950e

do Diário de Pernambuco

O publicitário João Santana, com aval da direção nacional do PT, praticamente aboliu o vermelho – cor que caracteriza o partido desde sua fundação – do material gráfico produzido para os dois principais eventos da legenda realizados até agora e que, segundo petistas, deve ser adotado na campanha pela reeleição da presidente Dilma Rousseff.

Tanto no aniversário de 34 anos do PT, em fevereiro passado, quanto no 14.º Encontro Nacional do partido, no início de maio, os tons de laranja e amarelo predominaram. O vermelho ficou relegado a uma pequena estrela, outro símbolo caro à militância do PT, encostada no canto direito do cenário, quase fora do quadro.

Embora pareça um simples detalhe estético, a paleta de cores escolhida por Santana virou motivo de discussões no partido. Dirigentes e antigos militantes não gostaram da mudança.

“Quanto mais a campanha se afasta da identidade partidária, menos mobiliza a militância, e quanto mais se aproxima da identidade, mais mobiliza”, disse o secretário nacional de organização, Florisvaldo Souza.

Petistas mais velhos comparam o padrão visual adotado este ano à eleição de 1998, quando o publicitário Toni Cotrim também trocou o vermelho pelas cores da bandeira nacional na campanha de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência. A justificativa na à época foi que Lula e o PT, depois de anos fazendo campanhas baseadas em ataques aos adversários, deveriam se apropriar das “cores e signos brasileiros” para enfrentar a disputa de forma “propositiva”. Naquele ano, Fernando Henrique Cardoso foi reeleito no primeiro turno.

Tradição. Os veteranos do PT lembram também que Duda Mendonça resgatou as cores tradicionais do partido na vitoriosa campanha de Lula em 2002 e que a estrela vermelha não foi escondida nem mesmo em 2006, quando Lula foi reeleito em uma disputa marcada pelo escândalo do mensalão, revelado um ano antes.

João Santana foi procurado para falar sobre a escolha das cores para a campanha de Dilma, mas não respondeu às ligações. Dirigentes do PT disseram, em conversas reservadas, que o vermelho e a estrela tiveram o papel reduzido propositadamente.

O secretário nacional de Comunicação do PT, José Américo, negou que a escolha das cores tenha motivação eleitoral. “Não é uma coisa deliberada. Daqui a pouco o vermelho volta outra vez. Eu avaliei que está muito bonito. É de bom gosto, bem feito, e a gente tem mesmo que dar uma variada em alguns momentos. Não é a primeira vez que isso acontece e o PT já está acostumado. ” As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Clique aqui e comente sobre isto

Dr. Marcilio Pires, “o misterioso”

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

marclio-pires

por Anchieta Santos

Uma pergunta que não quer calar: em quem vota para governador o ex-candidato a Prefeito de Tabira Marcilio Pires? No encontro de Armando em São José do Egito lá estava o odontólogo.

Os tabirenses presentes saíram com o sentimento que o pedetista apoiaria o candidato da oposição. Ontem, na Agenda 40 de Paulo Câmara, também em São José do Egito, Dr. Marcílio foi lá.

E fica a chamada duvida cruel: Dr. Marcílio vai de Armando ou de Paulo Câmara? Para desfazer o mistério, só ele responde…

Clique aqui e comente sobre isto

Afogados da Ingazeira levou a maior delegação para a Agenda 40

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

IMG_7899

Com muitos ônibus, vários carros e pelo barulho que fez, a delegação de Afogados da Ingazeira capitaneada pelo Prefeito José Patriota foi a maior de todos os municípios que compareceram à Agenda 40 do pré-candidato Paulo Câmara ontem em São José do Egito.

Destaque também para as delegações de Carnaíba e Ingazeira. A informação é de Anchieta Santos.

Clique aqui e comente sobre isto

Delson finalmente amarrou o cadarço

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

AGENDA 40 (19)

por Anchieta Santos

Presente no Pernambuco 14, encontro com o pré-candidato Armando Monteiro, o prefeito de Santa Terezinha Delson Lustosa(PTB) fez um discurso insosso, sem assumir qualquer compromisso.

Um discurso que não amarrou nem desamarrou o cadarço do sapato. Neste domingo (25) Delson anunciou a adesão ao candidato Paulo Câmara da Frente Popular. Em um depoimento inflamado finalmente amarrou o cadarço.

E  o sapato foi o de Paulo Câmara, para tristeza de Dr. Armando e do PTB.

Clique aqui e comente sobre isto

Danilo Cabral sai do tom em São José do Egito

Publicado em Sem categoria por em 26 de maio de 2014

image_gallery

por Anchieta Santos

A viola do deputado federal Danilo Cabral estava mesmo desafinada na Terra da Poesia, São José do Egito.

Diferente de todos os outros oradores, Danilo insistiu na comparação do governo de Eduardo Campos com o governo que o antecedeu.

Detalhe: a chapa da Frente Popular conta com Raul Henry na vice que atuou oito anos com Jarbas Vasconcelos a frente do governo de Pernambuco. Afina a viola deputado!

Clique aqui e comente sobre isto

São José do Egito: Apoio de Delson Lutosa a Câmara ganha destaque em Agenda 40

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014
Delson fala na Agenda 40: virou estrela do evento.

Delson fala na Agenda 40: virou estrela do evento.

Com fotos de Marcelo Patriota

O anuncio do apoio do petebista Delson Lustosa ao pré-candidato Paulo Câmara foi um dos fatos mais explorados pela coordenação da pré-campanha na Agenda 40 em São José do Egito no fim da manhã deste domingo (25). Delson teve participação destacada no evento, alimentando a guerra em torno dos  apoios entre as campanhas socialistas e petebistas no estado.

“Seria muita ingratidão minha eu não votar nos candidatos de quem me apoiou quando eu mais precisei. Na hora da morte ele chegou com uma vela, me ajudou muito”, disse Delson no evento, fazendo alusão ao governador Eduardo Campos.

O nome de Delson e dos vereadores de sua base foram entusiasticamente anunciados no evento. Além dele, Adeval, o ex-prefeito Danda Martins, mais os vereadores Ailton Pereira (PTB), Vanin (PR), Helder de Viana (PTB), Adarivan Santos (PR) e Manoel Grampão (PR) anunciaram apoio à campanha socialista.

10329065_503313463125121_5682765053643989942_n

No evento, adversários locais históricos, Zé Marcos de Lima e Evandro Valadares estiveram lado a lado. Tiveram direito a fala nomes como José Vanderlei (Prefeito de Brejinho), Isaltino Nascimento, Rogério Leão, Ângelo Ferreira, Zé Marcos, Fernando Bezerra Coelho e Eclériston Ramos.  Paulo Câmara fechou com discurso por volta de uma e meia da tarde.

Antes, em uma coletiva, Câmara voltou a afirmar que Armando – que questiona sua inexperiência como gestor – é que não teria histórico administrativo. “Ele sequer tem experiência de gestão. Nunca administrou nada público. Para governar Pernambuco, tem que saber gerir. Eu conheço. Sou servidor público há 22 anos e, nos últimos sete, ocupei três secretarias de Estado”.

10297738_503309056458895_5340147577817881695_n

Clique aqui e comente sobre isto

Prefeito anuncia obras no aniversário de Sertânia

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

DSC_8038

Durante a tradicional cerimônia do corte do bolo pelos 141 anos de Sertânia, neste sábado (24), o prefeito Guga Lins (PSDB) anunciou assinatura de ordens de serviços para  obras no município. Dentre elas,  duas quadras poliesportivas, nas escolas municipais Manoel Xavier de Melo (Sítio Caroá) e Vicente Bezerra da Silva (Povoado de Várzea Velha).

Também foram assinadas as ordens de serviços para a construção das Unidades Básicas de Saúde da Família das comunidades Vila Ferro Velho e 13 de Maio, que hoje funcionam em prédios alugados. Nas duas UBSF serão investidos mais de R$ 800 mil, segundo nota.

O prefeito Guga Lins anunciou, ainda, diversas outras obras que serão iniciadas ainda este ano e que já estão com os recursos garantidos. Entre elas, quatro academias da saúde (Rio da Barra, Albuquerque Né, Cruzeiro do Nordeste e Alto do Rio Branco);  o Parque Linear (em frente ao Banco do Brasil onde passa a linha férrea); o pátio da feira;  a reforma do estádio Odilon Ferreira; a construção de um centro de atletismo; a reforma e ampliação das UBSF de Nova Sertânia, Caroá, Algodões, Henrique Dias e Sítio Campos; além de obras de calçamento e o saneamento de 100%  da cidade dentro do PAC 3.

Clique aqui e comente sobre isto

Pernambuco 14 escuta população da Mata Sul

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

ARMANDO MONTEIRO

Durante toda a manhã deste domingo (25), mais de 2,5 mil pessoas lotaram o auditório do Hotel Poeta dos Palmares em mais uma Plenária do Projeto Pernambuco 14. O projeto, que chegou a sua nona edição, é liderado pelo pré-candidato ao governo do Estado, senador Armando Monteiro (PTB), e pelo pré-candidato ao senado, deputado federal Paulo (PT).

Em Palmares, o evento reuniu representantes de todos os municípios da Mata Sul, que debateram sobre temas como a mobilidade urbana, saúde e a necessidade de mais políticas públicas que induzam ao maior desenvolvimento econômico da Região.

Descentralização da política de saúde para as pessoas com deficiência foi a reivindicação de Luís Paixão, morador do município de Ribeirão. “Precisamos de mais saúde para as pessoas que têm deficiência, seja na construção de clínicas ou na melhoria do atendimento”. Na área do transporte, o cirurgião dentista Francisco de Assis pediu mais fiscalização e melhoria nos serviços prestados pelas empresas locais. “Além de melhores transportes, precisamos de estradas de qualidade. Nossas estradas estão abandonadas e sem conservação, falta sinalização nos municípios e isso interfere na mobilidade e também na segurança da população”.

A professora Erivânia Melo pediu por melhorias na educação e mais valorização para os profissionais da área. “É preciso que os professores também façam intercâmbio cultural. Precisamos ampliar nossos conhecimentos. O governo precisa valorizar os profissionais da educação, melhorar as escolas e elevar o nível do ensino”, defendeu.

Após ouvir as propostas da população, o senador Armando Monteiro destacou a importância do projeto, que está percorrendo todas as regiões de Pernambuco. “É dessa forma que faremos um programa que reflita os anseios, aspirações e sonhos do povo. É por isso que fizemos o Pernambuco 14, esse programa que tem sido um sucesso porque as pessoas atenderam ao nosso chamamento e temos recebido sugestões para qualificar nossa proposta e nosso programa”.

Segundo Armando, a zona da Mata Sul precisa diversificar-se economicamente, para experimentar um ciclo de crescimento que garanta mais empregos à população. Para ele, é necessário atuar em duas direções. “Precisamos preservar o emprego na atividade tradicional, mas vamos pensar também em novas alternativas para a Zona da Mata”, disse.

Armando defendeu a criação de um novo polo industrial, na região, citando a posição geográfica estratégica de Palmares. “Precisamos estimular também outras vocações, que nós sabemos que existem e que podem ser desenvolvidas”. Armando lembrou a fruticultura, a piscicultura, o turismo rural e a fabricação de celulose. “Temos várias ideias, mas precisamos ainda valida-las com o povo, porque o povo sabe o que quer”, concluiu.

Pernambuco 14 – Amanhã acontece a décima plenária do projeto. Será em Nazaré da Mata, às 18h, no colégio Damas Santa Cristina, localizado na Rua Conselheiro João Alfredo, nº 140, Centro.

Clique aqui e comente sobre isto

No Sertão, Paulo Câmara e Bezerra Coelho endurecem discurso contra Armando

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014
Foto: Cláudio Gomes

Foto: Cláudio Gomes

Em entrevista na Rádio Cidade FM na manhã deste domingo, conduzida pelo comunicador Anchieta Santos e com participação deste blogueiro, os pré-candidatos ao Governo do Estado, Paulo Câmara e ao Senado, Fernando Bezerra Coelho, ambos do PSB, endureceram o tom contra o candidato do PTB Armando Monteiro. A entrevista aconteceu pouco após a ida dos socialistas à Câmara da cidade, onde foram recepcionados pelo grupo que dá sustentação à sua pré-campanha.

Câmara voltou a se defender do questionamento de que teria conduzido uma política tributária cruel com comerciantes. “Não enviamos nenhuma proposta à Assembleia aumentando qualquer tributo. Acabamos com imposto de fronteira, privilegiamos em 25% das compras do Estado as microempresas. Isso não é verdade”, disse, antes de reconhecer que no país, há grande necessidade de  uma reforma tributária. “Esse discurso de cobrador não vai pegar”.

O pré-candidato também falou da ausência do pré-candidato a Presidente Eduardo Campos na pré-campanha. “Eduardo estará conosco sempre que possível. O PSB tem um projeto nacional de elegê-lo Presidente. Nós estamos mostrando que representamos a continuidade do seu projeto”.

O pré-candidato adotou um tom mais forte quando falou do projeto de Fernando Bezerra Coelho. “O Senador (Armando) vai ter um colega que vai trabalhar mais e votar em favor dos trabalhadores”, disse.

Fotos: Cláudio Gomes

Fotos: Cláudio Gomes

Já Fernando foi ainda mais direto a Armando. Questionou o tom do petebista nas críticas a ele e Geraldo Júlio. “Ele passou a atacar a mim e a Geraldo com um tom que não é apropriado. Bezerra Coelho afirmou que Monteiro esta querendo posar de independente, que  dará sequência ao governo Eduardo. “Ele vai é fazer água no barco do PT. Essa postura é reflexo do crescimento de Eduardo, o que mais cresceu de abril a maio. Vamos fazer barba, cabelo e bigode”, alfinetou.

João Lira: o pré-candidato ao Senado disse que não passam de especulações as declarações sobre o afastamento do Governador João Lira da campanha ou mesmo sua aproximação com o Governo Dilma e setores do PT. “Ele esta conduzindo muito bem o governo como vimos na greve da PM. A colaboração que queremos dele é essa, de uma gestão com equilíbrio. João Lira tem lado e deixou isso muito claro desde a posse”.

Clique aqui e comente sobre isto

Em Serra, Agenda 40 serve para apresentação de Marinaldo. Sebastião promete não hostilizá-lo

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014
DSC01965

Foto: Bruna Verlene

por Bruna Verlene

Aliados dos pré-candidatos Sebastião Oliveira (PR), Carlos Evandro (PSB) e Rogério Leão (PR) se dividiram na luta por espaço no salão de festas do Hotel São Cristovão na Agenda 40. O beija mão de prefeitos, prefeitas e políticos da região do Pajeú junto à Paulo Câmara e Fernando Bezerra Coelho também chamou a atenção.

DSC01938

Foto: Bruna Verlene

Mas quem realmente precisou se apresentar foi o pré-candidato a Deputado Federal Marinaldo da Schin, em sua primeira grande aparição na cidade após o apoio de Carlos Evandro. Buscando mostrar vínculo com a Capital do Xaxado, iniciou sua fala destacando que tem empresa em  Serra Talhada a 15 anos, e que conhece bem a cidade.

O deputado estadual Sebastião Oliveira (PR), que disputará votos com Marinaldo em Serra deu as boas vindas a Marinaldo e prometeu: “Por parte da minha equipe, da minha turma,  você não sofrerá nenhuma hostilidade. Nós somos educados, ordeiros e sabemos que você vem para ajudar o município. Também sabemos que o nosso adversário é outro”.

DSC01957

Foto: Bruna Verlene

Ainda em sua fala Sebastião  frisou que já foi alvo de críticas pesadas como Paulo Câmara  vem sofrendo. “  Não é justo o que a oposição vem fazendo com ele. Eu fui vítima Paulo a dois anos atrás aqui em Serra, diziam que eu ia acabar com o bolsa família, que eu andava com álcool gel no bolso pra falar com o pobre, inventaram todo tipo de conversa e estão querendo fazer isso com você”.

Logo após o discurso de Sebastião o pré-candidato ao Senado Fernando Bezerra Coelho, intitulou o sábado como um dia “bacana”,  que não estava ali para pedir votos, porque até então é uma pré-campanha. “Todo mundo aqui já está convencido de quem vai votar, e não precisa gastar saliva para poder convencer ninguém para votar na Frente Popular”, declarou o pré-candidato entusiasmado.

DSC01961

Foto: Bruna Verlene

Paulo Câmara foi o ultimo a discursar, destacando a grande estiagem que o sertão passou. Disse que por ver a luta do povo sertanejo ganhou energia maior para trabalhar e resolver de vez os problemas hídricos do sertão pernambucano.

DSC01976

Foto: Bruna Verlene

“Nós estamos fazendo o que é melhor pro nosso Estado.  Essas conversas que nos estamos tendo, esse apoio, esse reconhecimento do nosso trabalho junto com Eduardo, junto também vem problemas e questões que vamos precisar a enfrentar. Estou pronto para enfrentar isso”, enfatizou Paulo Câmara.

O pré-candidato a vice da Frente Popular, Raul Henry, não esteve presente no evento por conta do falecimento da sua mãe, Luzinete Azevedo Henry. Ele não acompanhou a agenda sertaneja.

Clique aqui e comente sobre isto

Rogério Leão sobre nome na lista do TCE: “Minha candidatura não vai sofrer nenhum problema”

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014
DSC01946

Foto: Bruna Verlene

por Bruna Verlene

Durante a Agenda 40 que aconteceu neste sábado (24) em Serra Talhada, o pré-candidato a deputado estadual Rogerio Leão falou ao blog sobre o seu nome está incluso na lista dos prefeitos e ex que estão com contas rejeitadas e foi encaminhada ao TRE pelo TCE para análise com base na Lei da Ficha Limpa.

“Fiquei muito surpreso, mas recebi a noticia com muita tranquilidade. Já estou vendo com meus advogados o que foi que aconteceu, porque até então não tínhamos nenhuma informação disso”, declarou Leão.

Rogério ressaltou que tem cinco contas que foram aprovadas por unanimidade pela Câmara de Vereadores de São José do Belmonte, e o que esses processos devem ter sido julgados por primeira instância pelos auditores.

“Eu tenho certeza que a minha candidatura não vai sofrer nenhum problema. Vamos disputar ser vitoriosos”, afirmou o pré-candidato.

Clique aqui e comente sobre isto

Em Ibimirim, Júlio Cavalcanti volta a defender governo Dilma

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

timthumb

“Enquanto alguns, por motivações meramente política-eleitorais, tentam desqualificar a presidente Dilma, ela garante recursos para a melhoria da malha viária de Pernambuco, beneficiando, principalmente, as cidades interioranas”. A afirmação é do deputado estadual Júlio Cavalcanti (PTB) em recente conversa com a imprensa durante visita a cidade de Ibimirim.

Ele lembrou que somente em Pernambuco serão contemplados as cidades de Arcoverde, Afogados da Ingazeira, Araripina, Caruaru, Fernando de Noronha, Garanhuns, Salgueiro, Serra Talhada e Petrolina. Em contato com o prefeito Adauto Bodegão (PP), ele reforçou que o senador Armando Monteiro (PTB) está se empenhando para garantir que a comunidade do Frutuoso possa ter direito a um sistema de abastecimento local.

Júlio Cavalcanti também ressaltou em sua fala durante entrevista a uma rádio local sua luta em defesa da categoria dos loteiros pernambucanos, destacando os profissionais do Pajeú e Moxotó que atendem a mais de 20 mil famílias. São mais de 500 lotações nestas duas regiões que, além de garantir a empregabilidade para esses pais de família, transportam o desenvolvimento entre as cidades pernambucanas.

O parlamentar também ressaltou as grandes movimentações provocadas pelo projeto Pernambuco 14, coordenador pelo senador e pré-candidato a governador pelo PTB, Armando Monteiro Neto. Júlio disse que Arcoverde demonstrou toda a força do senador e das lideranças municipais que atraíram para o colégio Cardeal Arcoverde mais de duas mil pessoas. “Até hoje a maior plenária do Pernambuco 14 já realizada”, lembrou o petebista.

Clique aqui e comente sobre isto

Carlos Evandro mantém firme discurso de sua candidatura, apesar de processos

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014
DSC01935

Foto: Bruna Verlene

O ex-prefeito de Serra Talhada Carlos Evandro (PSB) não baixou a guarda durante o Agenda 40 ontem em Serra Talhada. Pelo contrário, por onde circulou e com quem conversou, manteve a postura e garantiu a todos que será candidato a Estadual, apesar de estar em dez citações da lista de processos do TCE entregue ao TRE esta semana.

Carlos disse ao blog e outros veículos que a decisão de rejeição de suas contas é política, não técnica. Ele tem contas rejeitadas pelo TCE e mantidas por colegiado, a Câmara de Vereadores. Mas não se mostrou abatido ontem. Ao contrário, refirmou que será candidato.

DSC01908

Ao chegar no Hotel São Cristovão para agenda 40, depois de reunião com a CDL e Fecomércio, Paulo Câmara foi cercado por Sebá e Carlão. Foto: Bruna Verlene

Por falar na agenda socialista chamou a atenção a ausência de Carlos na mesa formada na coletiva e em outros espaços. Quem mais capitalizou na visita foi Sebastião Oliveira (PR), colado em Paulo Câmara.

Clique aqui e comente sobre isto

Sem PMDB, Dilma perderia pouco na TV

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

Do Diário

A eventual neutralidade do PMDB na eleição presidencial, bandeira e ameaça da ala do partido insatisfeita com o governo, teria efeitos limitados sobre a distribuição do tempo de propaganda entre os candidatos. Sem seu principal aliado, a presidente Dilma Rousseff perderia apenas 7% de seu tempo de TV.

Com o PMDB em seu campo, Dilma deve ter 12 minutos de exposição em cada bloco de 25 minutos de propaganda – isso em um cenário com 12 candidatos, o mais provável até o momento. Sem os peemedebistas, ela ficaria com 11 minutos e 8 segundos – um tempo ainda superior ao que teve na campanha presidencial de 2010.

A pressão pela neutralidade do PMDB foi explicitada na última reunião da Executiva Nacional da legenda, no dia 14 deste mês. A chamada “ala dissidente” ameaça derrotar na convenção nacional do partido, em junho, a proposta de apoio à reeleição de Dilma – apesar de o peemedebista Michel Temer ser o vice-presidente da República e ter intenção de permanecer no cargo por mais quatro anos.

“O PMDB participa do governo com cinco ou seis minutos do tempo de televisão, mas não apita nada na construção de políticas públicas do País”, declarou o deputado Eduardo Picciani (RJ), um dos líderes da ala dissidente, ao sair da reunião da Executiva. Picciani deixou claro que o tempo de propaganda é um dos principais trunfos do partido nas negociações com Dilma, mas exagerou no cacife da legenda.

Regras. O tempo de TV é distribuído com base em dois critérios: 1/3 igualmente entre todos os candidatos, e 2/3 proporcionalmente ao tamanho das bancadas eleitas no pleito anterior.

Como elegeu a segunda maior bancada em 2010, o PMDB é detentor do segundo maior tempo de propaganda eleitoral, atrás apenas do PT. Descontadas as defecções para legendas criadas recentemente, seus 71 deputados dão direito a 2 minutos e 18 segundos em cada bloco de propaganda, ou 4 minutos e 36 segundos por dia – menos, portanto, do que o citado pelo deputado Picciani.

Para de fato dispor desse tempo, porém, o PMDB precisará entrar em alguma coligação ou lançar candidato próprio. Se ficar neutro sua bancada será desconsiderada na conta da distribuição, e o peso proporcional das outras legendas subirá.

Os 86 deputados do PT, por exemplo, equivalem a 16,4% dos 513 membros da Câmara. Excluídos os peemedebistas, a Câmara passa a ter 442 cadeiras, para efeito de cálculo do horário eleitoral – e a participação dos 86 petistas sobe para 19,5%.

Com o PMDB fora da conta, portanto, todos os demais partidos passariam a ter uma cota maior de TV – e a coligação de Dilma, que tem mais legendas, abocanharia a maior parcela do tempo redistribuído.

Não seria uma situação inédita. Em 2010, o PP, que integrava a base do governo do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, rachou e decidiu não apoiar ninguém na eleição presidencial. Seus 43 deputados foram descontados no momento em que o Tribunal Superior Eleitoral calculou a distribuição da propaganda.

Efeito surpresa. Os mesmos critérios da distribuição do tempo dos blocos de propaganda no rádio e na televisão são adotados no rateio das chamadas inserções, as peças de 30 segundos exibidas ao longo da programação normal das emissoras.

As inserções são vistas pelos marqueteiros políticos como as armas mais poderosas de propaganda porque elas chegam de surpresa aos eleitores, misturadas à publicidade comercial e em horários diversos. Mesmo os espectadores desinteressados em política as assistem.

Nos 45 dias de propaganda no primeiro turno, os brasileiros serão submetidos a um bombardeio de 4 horas e meia de inserções em cada emissora de rádio ou televisão. Se mantiver o PMDB em sua coligação, Dilma terá 130 minutos de inserções. contra 40 minutos para Aécio e 21 minutos para Campos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Clique aqui e comente sobre isto

Eleição: disputa pelo 2º lugar mais acirrada desde 2002

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

Do Blog de Fernando Rodrigues

A pesquisa Ibope sobre a corrida presidencial realizada nos dias 15 a 19 de maio revela a disputa pelo 2º lugar mais embolada desde as eleições de 2002, tendo como base de comparação o mesmo período do ano.

No cenário com todos os possíveis candidatos, Dilma Rousseff (PT) tem hoje 40% das intenções de voto. O segundo colocado, Aécio Neves, está com 20%. Eduardo Campos (PSB) registra 11%. Os candidatos nanicos –Pastor Everaldo (PSC), Eduardo Jorge (PV) e José Maria (PSTU)– somam 5%.

A diferença entre Aécio e Campos é de 9 pontos percentuais. Considerada a margem de erro, de 2 pontos (para mais ou para menos), a vantagem do tucano sobre o pessebista cai para até 5 pontos percentuais.

Na eleição presidencial de 2010, a esta altura do campeonato (mês de maio), Dilma e José Serra (PSDB) estavam empatados com 37% cada. A disputa era pela primeira colocação. Parecia claro que ambos iriam ao segundo turno, o que de fato ocorreu. Marina Silva, então no PV, tinha somente 9% das intenções de voto, em terceiro lugar.

No pleito de 2006, também em maio, Geraldo Alckmin (PSDB) desfrutava de uma segunda colocação segura, com 18% das intenções de voto –13 pontos percentuais acima de Heloísa Helena (PSOL), com 5%. O primeiro colocado era Luiz Inácio Lula da Silva, que registrava 48%. Lula e Alckmin avançaram ao segundo turno, vencido pelo petista.

A atual disputa pelo segundo lugar guarda alguma similitude com a eleição de 2002. Em maio daquele ano, Lula comandava a fila com 38%, patamar semelhante ao de Dilma hoje. Serra e Anthony Garotinho (então no PSB) estavam empatados com 16% cada um.

A posição das legendas nas pesquisas era igual à verificada hoje: PT na frente, seguido por PSDB e PSB. O desenrolar é conhecido. Garotinho estagnou, Serra cresceu e foi ao segundo turno contra Lula, de quem perdeu.

O pior pesadelo para Campos será repetir a história de 2002. Por esse motivo, o pernambucano esforça-se para se diferenciar do tucano. O Blog compilou os dados arquivados na sua página de pesquisas.

Clique aqui e comente sobre isto

Adalberto Cavalcanti e Silvio Costa Filho cumprem agenda em Dormentes

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

Dormentes 002

Na manhã e tarde desta sexta-feira (23), o deputado estadual Adalberto Cavalcanti (PTB) cumpriu uma intensa agenda no município de Dormentes ao lado do deputado estadual Silvio Costa Filho (PTB). Os compromissos também contaram com a participação do ex-prefeito José Olímpio, da ex-vereadora Josimara Cavalcanti, e dos vereadores Jerônimo do STR, Lomanto, Fernando, Sandreane e Quinou.

A agenda iniciou com uma reunião no Sindicato dos Trabalhadores Rurais. O encontro reuniu representantes de várias associações comunitárias, onde foi apresentada uma série de demandas em favor da melhora da qualidade de vida dos agricultores familiares. Entre as solicitações estão à construção de poços artesianos, pequenas adutoras e barragens, assistência técnica para o campo, apoio ao melhoramento genético na caprinovinocultura, implantação de um abatedouro, aquisição de alimentos da CONAB e agilidade no programa de Habitação Rural.

“A pauta é justa. Vamos priorizar os pontos mais urgentes e, ao lado do deputado Silvio Costa Filho, viabilizar a efetivação das demandas que estiverem ao nosso alcance”, disse Adalberto Cavalcanti.

Após a reunião, o grupo político liderado pela ex-vereadora Josimara Cavalcanti visitou a Feira de Animais, que movimenta grande parte da economia local. Os parlamentares ainda concederam entrevista ao programa do radialista Vinícius de Santana, na Rádio Comunitária Dormentes FM. “Estou muito feliz com essa visita. Dormentes é uma cidade ordeira e de gente trabalhadora. O resultado disso é o destaque que o município ganha a cada dia no ramo da caprinovinocultura”, finalizou Adalberto.

Clique aqui e comente sobre isto

Governo vai tentar barrar na Justiça greve de PMs na Copa

Publicado em Sem categoria por em 25 de maio de 2014

Do Uol

Com receio de que greves na área de segurança criem problemas internos durante a Copa e arranhem a imagem do Brasil no exterior, o governo decidiu atacar os movimentos com ações na Justiça Federal e medidas que atingem o bolso dos grevistas.

São duas as principais frentes que serão adotadas na Copa: o governo vai entrar com ações judiciais contra as paralizações, medida que hoje cabe aos Estados, e quer cobrar de líderes de greve que arquem com os custos de eventual emprego da Força Nacional para garantir a ordem pública.

Recentemente, uma onde de greve de policiais militares afetou Estados como a Bahia e Pernambuco, e a violência explodiu no período com cenas de saques e depredações. há indicativos de que novas paralizações de policiais militares, civis e até da Polícia Federal ocorram no período da Copa.

Na sexta-feira (23), jornalistas estrangeiros demonstraram preocupações com as greves na área de segurança pública em entrevista com ministros do governo envolvidos com a questão.

Sem dar detalhes aos jornalistas, o ministro José Eduardo Cardozo (Justiça) havia admitido apenas que o governo tem planos altenativos.

À Folha, o advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, revelou o conjunto de medidas contra greves dessas categorias durante o Mundial.

“Quem é responsável pela segurança, policial militar ou policial civil, não pode fazer greve, é ilegal.”

A União decidiu que irá intervir e não vai deixar só com os municípios e Estados a competência para acionar a Justiça em caso de ameaça de paralisação.

“Podemos entrar como assistente do município ou do Estado. Mas, no caso de segurança – e os eventos recentes mostram isso -, a União adquire legitimidade para tomar iniciativa de buscar coibir práticas ilegais, seja com a Força Nacional, seja por meio da Justiça, proibindo e impedindo a greve. Isso é uma novidade”, disse Adams.

A segurança é a única área na qual a União pode ser obrigada a indenizar a Fifa por danos causados por eventuais distúrbios. A norma, que não cita valores, é prevista na Lei Geral da Copa, acordo internacional aprovado pelo Brasil para a realização do Mundial.

“Como a União tem que indenizar a Fifa em caso prejuízo por distúrbios, logo tem o interesse de avocar para si o poder de atuar contra a greve nos Estados.”

A entrada da AGU contra a greve de policiais não federais na Copa dará mais agilidade às decições de magistrados, de acordo com Adams, pelo fato de os processos serem tocados pela Justiça Federal.

“Nada impede que os Estados tomem suas iniciativaspróprias. O problema do movimento é que ele procura os momentos de maior fragilidade do Estado a fim de ter mais ganhos, agir com oportunismo”, afirmou.

MEXER NO BOLSO

Adams também quer que líderes grevistas e as próprias associações que organizarem eventuais greves devolvam aos cofres públicos todo o dinheiro gasto pelo governo federal caso uma paralisação leve ao emprego da Força Nacional de Segurança para compensar a susência de policiamento nos Estados.

Despesas como deslocamento, alimentação, diárias e equipamento utilizado deverão se ressarcidas por parte dos responsáveis pelo movimento.

“Não vamos tolerar a baderna. Por isso decidimos mexer no bolso do movimento grevista”, disse o ministro.

BLITZ

A AGU realizará, ainda, uma espécie de blitz para miniciar juízes responsáveis por julgar assuntos da Copa, como suspensão de jogos. As defesas contra liminares contrárias aos eventos serão entregues preventivamente ao magistrado antes de seu despacho para evitar decisões que interromperam jogos e outras atividades.

Em outra linha de atuação, o ministério promete monitorar e processar um suposto conluio de pessoas interessadas em acionar, de forma velada, a Justiça.

No caso da concessão dos aeroportos, por exemplo, modelos de petição circulavam na internet e embassavam ações em diversos lugares.

Clique aqui e comente sobre isto

Em coletiva Paulo Câmara diz confiar no crescimento da campanha e rebate crítica de que seria “inexperiente”.

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014
DSC01890

Câmara e Fernando Bezerra Coelho foram recepcionados na Capital do Xaxado pelo pré-candidato a deputado federal Sebastião Oliveira. Foto: Bruna Verlene

por Bruna Verlene – especial de Serra Talhada

Na tarde deste sábado (24) o pré-candidato ao governo de Pernambuco Paulo Câmara e o ex-ministro da Integração e pré-candidato ao Senado Fernando Bezerra Coelho estiveram no Hotel São Cristovão em Serra Talhada, concedendo um entrevista coletiva a impressa local e da região, antes da Agenda 40. Os pré-candidatos a federal Sebastião Oliveira (PR) e estadual Anchieta Patriota acompanharam a coletiva.

Perguntado sobre os questionamentos que vem recebendo de governistas sobre sua condução como Secretário da Fazenda, Câmara  não relacionou as críticas ao pré-candidato do PTB Armando Monteiro. “”Eu nunca vi o senador Armando Monteiro me chamando de cobrador de imposto. Eu vi uma série de pessoas desqualificadas que não merecem a minha resposta. Quem me conhece sabe a minha história, e sabe o meu perfil de servidor público”, disse.

DSC01882

Foto: Bruna Verlene

Mas não se esquivou do principal questionamento do petebista, de que seria inexperiente. “A única coisa que eu vi o senador Armando dizer, foi que eu não tenho experiência politica. Ele tem razão, eu nunca disputei nenhum mandato, mas experiência politica eu tenho. Só que é uma politica diferente, uma politica que ouve as pessoas, que busca soluções”, afirmou Paulo.

Em uma das suas falas Câmara foi bem enfático com relação ao crescimento da sua campanha. “Acredito que a campanha vai despontar  a partir da convenção do PSB, que irá acontecer no dia 15 de junho em Recife, e que será como a do atual prefeito do Recife Geraldo Julio. Ninguém acreditava que ele iria ganhar,  e quando começou o guia eleitoral, Geraldo cresceu nas pesquisas e foi eleito”.

DSC01884

Comerciantes, prefeitos e ex-prefeitos estiveram presentes na coletiva. Foto: Bruna Verlene

Questionado pelo blog como Paulo Câmara recebe a noticia de que alguns petebistas falam que o PSB vem usando a “máquina” do governo para atrair prefeitos do PTB para a apoiar a sua candidatura, ele retrucou. “As pessoas que estão nos apoiando são pessoas que querem o bem pra Pernambuco, que querem a continuidade do trabalho de Eduardo. A gente fez uma forma diferente de gestão. Isso é muito diferente do que vinha sendo feito antes. A gente conseguiu arrecadar mais sem aumentar nenhum imposto, a gente conseguiu aumentar a capacidade de investimento do Estado em seis vezes. Então, é claro reconhecimento dessas pessoas que querem a continuidade desse trabalho”.

Ainda respondendo ao blog Câmara falou que falaram muito de cooptação, mas o setor jurídico do partido foi acionado. Garantiu ser contra.  “ Quando eu souber que tiver cooptação eu vou ser o primeiro a denunciar”, declarou.

Clique aqui e comente sobre isto
Damol

Blog apresenta nomes dos mais questionados pelo TCE no Sertão. E tenta responder: quem foi listado já é um “ficha-suja”?

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014
Lista do TCE, divulgada hoje e entregue ao TRE, vai dar muito o que falar. Confira

Lista do TCE,  entregue ao TRE, já está dando o que falar.

A lista provisória de gestores públicos estaduais e municipais que tiveram suas contas rejeitadas pelo TCE nos últimos oito anos, entregue pelo Tribunal ao TRE trouxe algumas particularidades.

Dos nomes sertanejos, estão entre os recordistas de contas rejeitadas alguns de destaque na política regional. O recordista de processos no TCE é mesmo Carlos Evandro (Serra Talhada) com 10 ao todo. Com oito processos, Genival Araújo (Betânia), Dr Maninho (Triunfo), e Teógenes Lustosa (Santa Terezinha) seguem na sequência.

Com sete processos, Cícero Simões (Calumbi). Na lista dos que tem seis processos registrados, Dinca Brandino (Tabira), José Lopes (Itapetim) e Nemias Gonçalves (Custódia). Com cinco, nomes como Marconi Santana (Flores) e Afonso Ferraz (Floresta).

Vale lembrar que a tradição da divulgação desta relação começou a dois anos anos e já causou algumas modificações no cenário eleitoral. Em Serra Talhada, Geni Pereira não teve os votos de sua última candidatura reconhecidos pelo TSE.

Em Betânia, o ex-prefeito Genival Araújo indicou sua esposa, Eugênia Araújo, para disputar um mandato por conta de problemas na Justiça Eleitoral. Cícero Simões indicou a esposa Edinete Simões para evitar problemas, mas perdeu para Joelson. São apenas alguns dos episódios verificados no Estado, que provam, a relação deve impedir sim algumas candidaturas.

Há casos e casos que serão analisados um a um pelo TRE. Mas já dá pra dizer que gestores ou ex-gestores que tiveram contas rejeitadas mantidas por um colegiado, no caso as Câmaras de Vereadores terão muitas dificuldades para disputar um novo mandato eletivo. É, há algo de novo no reino…

Obrigatório lembrar que podem e devem haver alterações até o dia 5 de julho, quando será divulgada a relação definitiva, que também será motivo de análise do blog. O TCE antecipou o prazo para que o Ministério Público Eleitoral tenha mais tempo para análise, a fim de imprimir maior efetividade ao comando da Lei da Ficha Limpa.

Por isso, tecnicamente, ainda não é correto cravar todos os nomes como fichas-sujas. Vai depender da avaliação do Tribunal, que já reverteu a dois anos algumas decisões. Zé Veras e Dinca Brandino, só para citar dois exemplos, costumam aparecer com assiduidade na relação, mas conseguiram o direito da disputa em 2012 na Justiça Eleitoral, o que não garante que isso vá se repetir.

Da redação: assessorias de nomes que aparecem na lista que queiram se manifestar apresentando defesa sobre o levantamento do Blog, com base em documento que é de conhecimento e acesso público, podem se manifestar pelos fones do blog ou através do email redacao@nilljunior.com.br .

1 Comentário

Visita de Lula pode ficar só para a campanha mesmo

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

mexeu-lula

da Folha de Pernambuco

A cautela adotada pelos integrantes da chapa majoritária encabeçada pelo senador Armando Monteiro Neto (PTB), sobre a possibilidade de o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aportar em Pernambuco em junho, é explicada pelo argumento de que a presença da maior liderança petista não seria explorada ao máximo em um evento fechado. A data em questão, dias 13 e 14, ainda contará com restrições estabelecidas pela Legislação eleitoral. Atos de rua só poderão ser realizados a partir de 06 de julho, quando será dada a largada para a campanha.

Há a avaliação, dentro do grupo liderado por Armando Monteiro Neto, de que o efeito Lula poderá ser muito maior em um evento de rua, provavelmente no Centro do Recife. Em oportunidades anteriores, os candidatos apoiados pelo petista-mor usaram e abusaram de aparições públicas do ex-presidente com o registro de alinhamento e, sobretudo, críticas a adversários.

“Lula deve ser guardado para um outro momento. Para dar aquele impulso final, talvez. Foi assim em outras eleições. Os candidatos foram trilhando seus caminhos e Lula chegou para dar aquela energia quando a campanha já estava consolidada”, indicou, em reserva, um aliado do senador Armando Monteiro Neto.

O grupo também faz a ressalva de que as pesquisas sobre a corrida sucessória local apontam um cenário positivo para o petebista e o deputado federal João Paulo (PT), que disputará vaga no Senado.

“A campanha está indo bem. Os números são bons e não houve nenhum erro político do lado de cá. Temos um início muito bom e uma perspectiva melhor ainda”, atesta a mesma fonte.

Clique aqui e comente sobre isto

Armando promete apoio às micro e pequenas empresas

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

ARMANDO MONTEIRO

Acompanhado do deputado João Paulo (PT), pré-candidato a senador, em mais uma reunião ampla com representantes de micro e pequenas empresas, o senador Armando Monteiro (PTB) assegurou que o setor será fortalecido em sua administração à frente do governo de Pernambuco nos próximos anos. Armando tem uma trajetória longa de defesa dos pequenos empreendedores no Brasil.

“É importante e vamos continuar incentivando os grandes empreendimentos que estão chegando ao Estado, mas não podemos esquecer os pequenos”, afirmou, durante palestra para uma plateia de quase 150 microempresários do Agreste, reunidos na Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns, na noite desta sexta-feira (23).

Responsável por liderar um movimento nacional que permitiu a aprovação do SIMPLES, o sistema simplificado de tributação das micro e pequenas empresas, Armando diz que o desenvolvimento de um Estado só acontece de maneira equilibrada quando há grande número de negócios de pequeno porte, que são responsáveis pela geração de mais de 70% dos empregos no país. “Há maior distribuição de renda e o consumidor sai ganhando. A economia se deforma quando existem os monopólios e oligopólios”, ressaltou.

“Nós temos a compreensão de que é preciso tratar os pequenos negócios de maneira justa, de forma diferenciada”, acrescentou. É por isso que Armando Monteiro está defendendo a luta pela atualização das tabelas do SIMPLES, pela inclusão de novos segmentos no regime simplificado de tributação, sobretudo setor de serviços, pela redução da burocracia e acesso ao crédito. “Nossa luta continua”, disse, que tem sido chamado para reuniões com o setor em todas as regiões de Pernambuco.

Como contribuição ao debate sobre incentivos fiscais para as micros e pequenas empresas, o deputado federal e pré-candidato ao Senado, João Paulo, assinalou que quando esteve à frente da Prefeitura do Recife reduziu a carga tributaria do ISS de 5% para 3% para mais mais de 20 segmentos de empresas, micros e pequenos empreendimentos. “A medida proporcionou crescimento da arrecadação e gerou milhares de novos empregos na capital”.

Clique aqui e comente sobre isto

BNB atende em Carnaíba‏ dia 02

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

BNBNo próximo dia 02 de junho o Banco do Nordeste estará atendendo os produtores rurais de Carnaíba com um mutirão de regularização de dívida junto a agência de Sertânia.

Os agricultores poderão ter até 85% de bônus para liquidar o seu débito.

O Atendimento será na secretaria de agricultura da Prefeitura de Carnaíba das 09h às 12h. Em alguns casos os produtores que liquidarem suas dívidas estarão aptos para realizar novos empréstimos.

Clique aqui e comente sobre isto

Paulo Câmara promete, se eleito, carne na merenda escolar

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

10303170_238180606382776_4549707251525935821_n

O pré-candidato da Frente Popular ao governo do estado, Paulo Câmara (PSB), se reuniu na manhã desta sexta-feira (23) com produtores de caprinos e ovinos do município de Parnamirim, para conhecer as demandas e sugestões do setor.

Atendendo a um pedido dos produtores, o socialista prometeu incluir em seu plano de governo, a proposta aumentar, de dois para três, a quantidade de dias em que as merendas das escolas da rede estadual tenham carne em seu cardápio. “São boas ideias que melhoram a qualidade de vida de toda a região. Como a inclusão da carne produzida aqui na merenda das escolas da rede estadual”, ressaltou o socialista.

Outra demanda dos produtores se refere a construção de uma escola técnica no município. Para este pedido, o socialista afirmou que vai avaliar a inclusão em seu plano de governo.

Além dos incentivos aos produtores e à qualificação profissional, Paulo Câmara acrescentou a sustentabilidade hídrica como fator fundamental para o desenvolvimento da cultura de caprinos e ovinos, da qual Parnamirim é a segunda maior representante do Estado.

“O Governo Estadual tem ampliado consideravelmente a oferta de água em Pernambuco. Nós vamos acentuar ainda mais essas ações, em parceria com os municípios”, declarou o socialista.

Antes de se reunir com os produtores, Paulo Câmara recebeu do prefeito de Parnamirim, Ferdinando Carvalho (PSD), apoio a sua pré-candidatura.

Câmara agradeceu o engajamento do prefeito e seu grupo político, reiterando a disposição de trabalhar em parceria com os municípios, levando o desenvolvimento de forma igualitária para todas as regiões. “Tenham certeza que esse apoio será respondido com muito trabalho, a partir de 2015”, garantiu o pré-candidato. 

Clique aqui e comente sobre isto

Governo começa recuperação de estrada entre Afrânio e Dormentes

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

_DSC0112

Atendendo a uma indicação de autoria do deputado estadual Adalberto Cavalcanti (PTB), o Governo do Estado, através do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), iniciou a operação tapa buracos na PE 635. A rodovia liga os municípios de Afrânio e Dormentes.

Nesta sexta-feira (23), o parlamentar foi conferir a execução dos serviços pessoalmente. “Essa era uma antiga cobrança, reforçada na última semana por meio de uma indicação. Agradeço ao governador João Lyra Neto e ao diretor-presidente do DER, o doutor João Antônio Dourado, pela sensibilidade e presteza em atender a demanda do nosso povo”, comemorou Adalberto Cavalcanti.

O vice-líder do PTB na Assembleia Legislativa lembrou que fez o mesmo apelo para outras rodovias estaduais, a exemplo da estrada do Maria Tereza, em Petrolina, da rota da Uva e do Vinho, em Lagoa Grande, e da estrada que liga Urimamã ao Projeto Caraíbas, em Santa Maria da Boa Vista.

 

Clique aqui e comente sobre isto

Pedro Alves diz que Paulo Câmara precisa empolgar mais

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

PEDRO ALVES E

Do médico e ex-prefeito de Iguaracy, Pedro Alves (PSB), que vai estar neste domingo (25) com Paulo Câmara na “Agenda 40” de São José do Egito ao blogueiro Inaldo Sampaio:

“É um candidato bom, leve, educado. Mas está precisando de uma pitada de sal para melhor se relacionar com a classe política”.

Clique aqui e comente sobre isto

Vereador de Camaragibe, pré-candidato a estadual veio a Tabira. Quer apoio da vice

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

bbeto

por Anchieta Santos

Uma coisa está clara nesta eleição em Tabira: a vice-prefeita Genedy Brito não vota nos mesmos candidatos do Prefeito Sebastião Dias. Enquanto o gestor tem sua chapa definida a vice ainda parece indecisa.

Na ultima quinta (22) o pré-candidato a deputado estadual de Camaragibe  Beto Acioly (PS) esteve na cidade para conversar com Genedy, mas não conseguiu.

Ela estava no evento de inauguração da Base da Guarda Municipal. Outro estadual que vem tentando o apoio da vice-prefeita tabirense é Silvio Costa Filho.

Um detalhe: Beto Acioly é vereador em Camaragibe.A única coisa que faz no município é uma festa populista para as crianças no final do ano.

Clique aqui e comente sobre isto

Cachaça com maconha produzida em Cabrobó vira sensação no Sertão

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

pituconha

Uma nova mania vinda do município de Cabrobó vira febre no sertão Pernambuco: a cachaça de maconha ou “Pitúconha”. O souvenir é feito de cachaça com raiz de maconha e encontrado facilmente em bares e carrinhos de comida, custando a dose R$ 1 e a garrafa R$30.

Cabrobó é localizada no chamado polígono da maconha, região pernambucana famosa na produção da cannabis, facilitando o acesso a “Pitúconha”. As pessoas aproveitam o que sobram das operações realizadas pela polícia na erradicação dos pés de maconha.

De acordo com a perícia realizada Polícia Federal há pequenas concentrações de THC  princípio ativo na maconha, nas raízes, o que deve tornar seu consumo ilegal, mas não há questão fechada sobre o caso. A cachaça ganhou destaque ontem na Folha de São Paulo.

Clique aqui e comente sobre isto

Marcílio Pires se entende com Sebastião Dias em Tabira

Publicado em Sem categoria por em 24 de maio de 2014

Marcílio e SebastiãoCom a mesma certeza de que perdeu o apoio de sua vice prefeita Genedy Brito, o prefeito de Tabira Sebastião Dias está ganhando o reforço do ex-presidente da Câmara de vereadores e ex-candidato a Prefeito do PDT Marcílio Pires.

Nos últimos dias,  se reuniu várias varias vezes com o gestor tabirense. Ontem inclusive, esteve em seu gabinete. O entendimento está tão avançado que já tem gente no grupo admitindo que  Marcílio Pires poderá votar em Ricardo Teobaldo para Federal, o mesmo candidato do poeta prefeito.

Clique aqui e comente sobre isto