Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Na primeira entrevista, Paulo Câmara rebate rótulo de “manobrado”. Pré candidato confirmou que roda Estado com Eduardo a partir de março. Ouça:

Publicado em Sem categoria por em 26 de fevereiro de 2014

paulo-camaraO pré-candidato ao governo de Pernambuco Paulo Câmara deu ao jornalista Magno Martins no programa Frente a Frente – retransmitido por uma rede que conta com emissoras como a Rádio Pajeú – sua primeira entrevista após ser anunciado como nome de Eduardo Campos e do bloco governista.

Se dizendo  “honrado em representar a Frente Popular”, Câmara afirmou que mantém seu expediente normal como Secretário. “Candidatura só em junho. Mas estamos começando a trabalhar com um grupo de partidos que vem nos ajudando e com compromisso claro de avançar cada vez mais”.

Ele defendeu a construção de um programa que ouça a população, a sociedade, os partidos. Ele falou de sua relação histórica com Eduardo. “Minha militância política começou com o governador Eduardo Campos quando candidato a prefeito de Recife em 1992”. Mas rebateu o rótulo da oposição de que seja “manobrado” pelo gestor. “Temos muito respeito pelo Governador mas vamos trabalhar com os pernambucanos. Claro que as diretrizes da gestão são acertadas porque focam as pessoas que mais precisam. Vamos construir um programa tendo continuidade como diretriz, mas vamos fazer mais do que o governador fez nesses 7 anos”.

Câmara afirmou não ter ainda um coordenador de campanha definido. “Estamos discutindo isso. Tem um carnaval pela frente e vamos rodar os municípios junto com o governador e após, vamos sentar para definir essa estrutura de pré campanha”.

O Secretário da Fazenda confirmou que vai rodar as regiões do Estado com o governador a partir de março, mas não disse por onde começaria ou datas. “Sobre esses encontros essa é uma coisa pra ser definida, mas o governador estará em todas as regiões. Ele estará presente e onde eu puder estar, estarei com ele”.

Câmara ainda defendeu o FEM como um dos projetos que mais contou com sua contribuição. “Trabalhamos na confecção do FEM que foi importante para os municípios manterem investimentos. E fizemos a máquina mais eficiente, com menos desperdício. Pernambuco foi o 4º estado que mais investiu ano passado”.

Ouça na íntegra a primeira entrevista de Câmara, falando a Magno Martins, clicando abaixo :

Deixar um Comentário