Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Grupo Pajeú afirma que erro em etiqueta provocou equívoco em ação policial. Produtos não estavam vencidos, segundo empresa

Publicado em Sem categoria por em 15 de fevereiro de 2014
Erro de etiquetagem de funcionário do supermercado causou confusão, diz grupo Pajeú

Erro de etiquetagem de funcionário do supermercado causou confusão, diz grupo Pajeú

Representantes do Grupo Pajeú mantiveram contato com o blog e questionaram teor da matéria veiculada no portal G1 Pernambuco – reproduzida pelo blog – que o acusava de manter mercadorias vencidas em estoque do Supermercado do grupo em Jardim são Paulo. Segundo  a empresa, o depoimento de Gladstone Cleber de Siqueira elucidou o episódio.

No depoimento tomado na tarde de ontem (13), Gladstone, que trabalha no grupo como Gerente Comercial há doze anos, esclareceu que os produtos averiguados foram etiquetados incorretamente. “O queijo Baby da marca Regina tinha uma etiqueta fornecida pelo Supermercado (Pajeú) com vencimento em 09/02/2014, mas na embalagem – que traz informações do fabricante fiscalizadas por órgãos federais – a data de vencimento é 07 de março deste ano”.

O Depoimento do Gerente Comercial Gladstone Cleber à Polícia Civil :

O Depoimento do Gerente Comercial Gladstone Cleber à Polícia Civil: “erro de digitação confundiu validade de produtos, que estavam dentro do prazo”.

Situação segundo ele similar ao Hambuerger Texasburger granel cujas unidades não informavam data de fabricação ou vencimento. “A caixa onde encontravam-se os hamburgers tinha validade de 03 de junho. O hamburger havia sido recebido pelo supermercado neste dia 13”.

Garante o representante da empresa que a situação já foi contornada e que o Supermercado já comercializa os produtos livremente. Na ação, também havia sido denunciada a Casa da Mussarela, próximo ao supermercado . “A Casa da Mussarela é vizinha do Pajeú e foi o alvo principal da ação”, garante. O Grupo Pajeú vai buscar  o G1 cobrando retratação.

Deixar um Comentário