Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Entidade de Campinas habilitada em 1º lugar para gerir curso de Medicina em Arcoverde

Publicado em Notícias por em 12 de setembro de 2018

São Leopoldo MANDIC, de campinas, já participou de outras seleções para gerir cursos de Medicina

O Ministério da Educação (MEC), através da Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior, divulgou hoje (12) as instituições de ensino que estão habilitadas para serem mantenedoras da Faculdade de Medicina de Arcoverde.

A notícia foi comemorada e colocada em nota como “uma conquista do deputado federal, candidato à reeleição Zeca Cavalcanti (PTB), para Arcoverde”.

De acordo com as informações repassadas pelo MEC ao deputado Zeca Cavalcanti, o primeiro lugar, com 25,8 pontos, ficou com a Sociedade Regional de Ensino e Saúde S/S LTDA (Faculdade São Leopoldo MANDIC) de Campinas, em São Paulo.

Outras três instituições também foram habilitadas, são elas: Grupo IBMEC Educacional S.A, UNIC Educacional LTDA e Sociedade Educacional da Amazônia LTDA. Estas instituições têm um prazo de 10 dias e poderão recorrer, já que o resultado da chamada pública de mantenedoras é preliminar e cabe recurso. Outras duas instituições também se candidataram, mas não foram habilitadas: Associação Educacional de Ciências da Saúde – AECISA e Centro de Ensio Superior de Desenvolvimento LTDA – CESED.

O anúncio foi feito por Zeca no início de dezembro de 2017 ao lado do então Ministro da Educação, Mendonça Filho, que ressaltou na época o empenho e a dedicação do deputado trabalhista para a concretização deste sonho.

“O resultado com os nomes das mantenedoras habilitadas chega como um presente de aniversário para a nossa querida Arcoverde que completou 90 anos ontem (11). Fico muito feliz em poder fazer parte dessa grande conquista que vai beneficiar, também, municípios de toda a nossa região, promovendo um novo ciclo de desenvolvimento na Educação e na economia regional” , comemorou Zeca Cavalcanti.

Deixar um Comentário