Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Eduardo nega que Rands já tenha sido escolhido e diz que ”debate começa agora”

Publicado em Sem categoria por em 10 de fevereiro de 2014
5106be81852085a7cb60d46db6dc2259

O governador Eduardo Campos discursa na inauguração do Paço do Frevo

do JC Online

O governador Eduardo Campos (PSB) procurou despistar e reagiu, neste domingo (9), às informações que circulam nos bastidores do PSB de que o ex-deputado Maurício Rands já teria sido escolhido candidato para disputar sua sucessão.

Apesar da efervescência dos correligionários para a definição e da movimentação dos possíveis postulantes, o socialista sustentou que o debate em torno da eleição sequer começou, o que ocorrerá nesta segunda (10). Segundo ele, até o final deste mês serão fechados o programa e o candidato.

“Eu entendo que muitas pessoas só sabem fazer política discutindo os nomes, mas eu aprendi a começar discutindo o que deve nos unir”, afirmou, em entrevista ontem na inauguração do Paço do Frevo.

Na cerimônia, houve uma manifestação, pequena, contra a realização da Copa do Mundo no Brasil. Participantes levantaram faixas reclamando do evento esportivo, enquanto o prefeito Geraldo Julio (PSB) e o governador discursavam.

Rands teria sido escolhido por reunir, no entendimento do governador, perfil político e desprendimento de cargos, já que, em 2012, então filiado ao PT, renunciou ao mandato de deputado federal por insatisfação com as brigas do partido.

Endossando nacionalmente a defesa da “nova política”, Eduardo tem dito que primeiro discutirá o programa de governo para depois analisar nomes e formar a coligação. Com o lançamento na semana passada do documento com as diretrizes programáticas que serão defendidas pelo governador na campanha para presidente, hoje os 24 membros da Executiva estadual do PSB se reunirão para fazer sugestões ao material. O mesmo processo ocorrerá nos demais Estados.

As costuras “oficiais” sobre o candidato devem “começar” na próxima semana, já que o presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, quer fechar as contribuições para o programa até a sexta (14). Os partidos da base do governo estadual serão convidados a fazer sugestões.

Deixar um Comentário