Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Eduardo cobra de Dilma humildade para reconhecer deficiências na política econômica

Publicado em Sem categoria por em 1 de janeiro de 2014

a26c2995ad61f5a65624db1f48a5b309

O governador-presidenciável Eduardo Campos (PSB) cobrou nesta terça-feira (31), em sua última entrevista do ano, humildade da presidente Dilma Rousseff (PT) para reconhecer erros da política econômica. “O Brasil tem problemas macroeconômicos que precisam ser enfrentados. Não precisamos esconder as deficiências. O pior erro na vida de uma pessoa, de uma comunidade, de uma organização e sobretudo de um País é quando a gente não tem humildade para reconhecer as coisas que precisam ser consertadas”, disparou.

A declaração foi a resposta dada pelo governador ao ser questionado sobre o pronunciamento de fim da ano da petista em cadeia nacional de TV, na último dia 29, quando ela acusou “alguns setores” de fazerem “guerra psicológica”, o que acaba afastando  os investimentos.

Com discurso focado na área econômica – uma das mais criticadas pela oposição -, ela ainda reafirmou a promessa de manter o equilíbrio das contas públicas e da inflação.

“A gente não pode sair botando culpa nos outros, a gente precisa ver qual a culpa de todos nós e como cada um pode ajudar o Brasil a reencontrar o crescimento”, completou o governador, em entrevista à imprensa ao chegar à Igreja de Casa Forte, na Zona Norte do Recife, para Missa de Ação de Graças. Prestigiaram a cerimônia o staff do Governo do Estado e da Prefeitura do Recife.

JC On Line

Deixar um Comentário