Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Dilma diz que mudanças nos ministérios ‘fazem parte do calendário da democracia’

Publicado em Sem categoria por em 3 de fevereiro de 2014

Posse-dos-novos-minitros-da-Casa-Civil-Saude-Educacao-e-Com

do O Globo

A presidente Dilma Rousseff deu posse a quatro novos ministros na manhã desta segunda-feira (03) no Palácio do Planalto. Dilma destacou no início de seu discurso que as substituições “fazem parte do calendário da democracia” e não alteram a linha de atuação do governo. A presidente afirmou que dois de seus assessores que deixam o governo – Alexandre Padilha (Saúde) e Gleisi Hoffman (Casa Civil) – tentarão nas urnas um novo posto no Executivo. Dessa vez, o estadual. Padilha tenta se eleger governador de São Paulo e Gleisi, do Paraná.

A presidente agradeceu os ministros que estão deixando o governo e desejou sucesso aos que estão sendo empossados. Aos pré-candidatos, ela deu um empurrãozinho para a campanha que irão enfrentar, citando os principais programas que comandaram. No caso de Gleisi, lembrou do programa de concessões de portos, aeroportos, rodovias e ferrovias e ao falar de Padilha, disse que sem dúvida, o Mais Médicos é a mais importante iniciativa da área de saúde.

A partir de hoje, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, assume a Casa Civil, no lugar de Gleisi; o secretário de Saúde de São Bernardo do Campo, Arthur Chioro, fica no lugar de Padilha; o secretário-executivo do MEC, José Henrique Paim, assume o comando da Pasta e a ministra da Secretaria de Comunicação Social Helena Chagas dá lugar a Thomas Traumann, que até então ocupava o papel de porta-voz de Dilma. As mudanças nos ministérios foram oficializadas hoje no Diário Oficial da União.

O Diário Oficial da União publicou também hoje a exoneração da secretária-executiva do Ministério da Saúde, Márcia Aparecida do Amaral. Além dela, foram exonerados o consultor jurídico, a diretora de Programa da Secretaria Executiva, o subsecretário de Assuntos Administrativos da Secretaria Executiva, além do secretário de Gestão Estratégica e Participativa e da diretora de Atenção à Saúde Indígena da Secretaria Especial de Saúde Indígena. Para assessoria especial do novo ministro foi nomeada Eliane Aparecida de Cruz.

Na Casa Civil foi exonerado o chefe de gabinete, Leones Dall’Agnol. Ele será substituído por Luiz Antonio de Mello Rebello.

Deixar um Comentário