Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Debate das Dez: Totonho Valadares; nova função, política e perspectivas para 2014

Publicado em Sem categoria por em 10 de janeiro de 2014

No Debate das Dez de hoje o ex-Prefeito de Afogados da Ingazeira e atual gerente de Bacias Hidrográficas da Secretaria de Recursos Hídricos do Estado de Pernambuco, Totonho Valadares, falou sobre a nova função, política e perspectivas para 2014.

J

Acompanhe abaixo alguns trechos do Debate:

Nova função

O meu chamamento para participar do governo Eduardo na área de recursos hídricos, se deu justamente pela minha passagem por mais de oito anos no Comitê da Bacia do São Francisco, aonde cheguei a ser coordenador do Submédio São Francisco, onde tem a problemática de água, principalmente proveniente das discursões sobre o gerenciamento de águas é a necessidade de alguém que possa levar essas demandas para dentro da secretaria ou dentro do Governo do Estado de Pernambuco para que os problemas sejam solucionados, ou que sejam pelo menos diminuídos, para que a população possa continuar sobrevivendo com a participação efetiva da quantidade de água, para consumo.

Então a gente nesse momento se deparou com dois anos e meio de seca, uma das maiores secas que já se abateu aqui sobre o Nordeste brasileiro e o Sertão pernambucano, com esse convite eu tive  condições de me deparar com problemas que eu, mesmo dentro da área de engenharia não tinha me deparado ainda, como você desassorear barragens de portes razoáveis como é o caso da Barragem de Brotas, o Açude de barra em Sertânia, o Açude de São José em São José do Egito e tem uma série de barragens ai que estão programadas para que este serviço seja feito.

Tudo que envolve a problemática, a discussão da distribuição de água, toca na minha área de atuação.

Desassoreamento de Brotas

Os equipamentos foram paralisados no final de outubro e ficou bastante material escavado dentro da bacia da barragem e tem que se tirar aquilo antes que a barragem tome água, então é um problema sério, nessa segunda-feira tive uma reunião com Heleno Mariano, representando o governo municipal, eu como gerente das Bacias Hidrográficas de Pernambuco e Dra. Giuliana, representando a Casa Militar e Secretaria de Recursos Hídricos também, para  a gente discutir essa problemática desse material que foi escavado e que se encontra dentro da bacia da barragem, há a necessidade urgente que seja retirada.

Falei com o Prefeito Patriota para que ele conseguisse uma audiência com o governador Eduardo Campos, para que ele pudesse pressionar, no bom sentido a agilização para que voltasse os equipamentos para a retirada desse material e até retirar mais material que tiver lá na bacia de Brotas.

Projetos, acompanhamento e fiscalização

Na verdade a orientação não é de que os projetos vão direto para a Secretaria de Recursos Hídricos, ela se envolve, evidentemente na postura de organizar as questões relativas à água para que você tenha um armazenamento dos corpos d’água, efetivamente funcionando para que se possa distribuir para a população através da Compesa, então os Prefeitos deverão procurar dentro de suas necessidades da distribuição de água a Compesa e em caso de mananciais procurar a Secretaria de Recursos Hídricos, através do governo, não é particularmente a pessoa procurar a Secretaria para resolver.

Saudades ou alívio

Eu lhe digo sinceramente que me sinto assim, não realizado totalmente, mesmo porque em todas as empreitadas da vida não se consegue realizar cem por cento, eu deixei muita coisa pra fazer que dentro da minha cabeça eu imaginava fazer e por esse lado eu sinto até saudade, mas por outro lado, também pelo esforço que eu tive, pelo trabalho durante esses vinte e quatro anos de trabalho na vida pública e que ainda não parei já que estou dentro da Secretaria de Recursos Hídricos de Pernambuco, mas ainda assim dá para descansar um pouco, pois a vida de Prefeito é muito trabalhosa mesmo, é muita preocupação, você vive o tempo todinho envolvido são praticamente vinte e quatro horas, o tempo de descanso é muito pouco. O trabalho de gasto físico é muito menor do que o que eu tinha quando era Prefeito.

Tem momento que tenho saudade e tem momento que acho que cumpri com a minha missão, estou descansado, estou tranquilo, mas se tiver uma oportunidade, se tiver uma necessidade para que possa contribuir para ajudar Afogados da Ingazeira, minha região, meu Estado ou meu país, arranjarei forças novamente para isso.

Patriota pelo cidadão Totonho

Olha eu acho que ele vai bem, vai bem pelo seguinte; primeiro as finanças estão equilibradas, ele tem cumprido o compromisso de tocar as obras que já estavam em andamento, está lá a obra da Escola de São Sebastião, ele tá tocando, tá lá a Escola Infantil do Conjunto Miguel Arraes, já esta quase concluída, a escola lá do Bairro Sobreira, tá construindo, tá concluindo a construção das habitações populares do Conjunto Laura Ramos, tá trabalhando na questão do Abatedouro Público, tanto na concepção de conseguir mais água para que se possa ter um potencial de abate satisfatório, também mandando projetos de lei com respeito ao abatedouro para que se possa ter uma parceria público-privada, onde dê melhores condições ao abatedouro, o saneamento global esta ai andando em Afogados da Ingazeira, fruto de uma luta que já vinha há quase oito anos.

Patriota inteligentemente esta conduzindo todas as obras que estavam em andamento, teve a felicidade de fazer um convênio com o Governo do Estado, para construir pavimentação em paralelepípedos, pelo que me consta que eu tenho ouvido ai, ele vai muito bem nas pesquisas, então eu acho que ele tá dando conta do recado, tá dentro das minhas expectativas, a gente já sabia o passado de Patriota já o conhecia e por isso ele foi escolhido para ser o Prefeito de Afogados da Ingazeira.

Mas a gente sabe que nem ele, nem eu, nem nenhum governante vai conseguir agradar a todas as pessoas plenamente.

Clique aqui e ouça o áudio do Debate na íntegra

 

Deixar um Comentário