Lembre-se de mim
Registre-se Esqueceu sua senha?

Ao contrário do PSDB-PE, Aécio Neves não descarta candidatura própria em Pernambuco. E dá maio como prazo

Publicado em Sem categoria por em 10 de janeiro de 2014

Ao contrário do que o PSDB pernambucano propagou ao aderir à base do governo de Eduardo Campos, o senador mineiro fala sim de candidatura própria ao governo do estado.

E diz que a questão pode ser decidida até maio. O nome que ele aponta como possível candidato é Daniel Coelho, deputado estadual que ficou em segundo colocado na disputa pela Prefeitura do Recife em 2012.

Vale destacar que o processo que culminou com a adesão do PSDB ao governo Eduardo mereceu críticas de tucanos. Houve quem reclamasse da falta de diálogo e de informações sobre a forma e a data do anúncio.

Uma crise – ainda não completamente debelada – se instalou após o presidente estadual da sigla, deputado Sérgio Guerra descredenciar correligionários que fizeram oposição ao socialista.

Guerra afirmou que “a conversa de que os tucanos faziam oposição ao governo Eduardo Campos era coisa de babaca”. O deputado estadual Betinho Gomes chegou a entregar o cargo de secretário geral da legenda.

Os ânimos esquentaram e tucanos soltaram notas em defesa da conduta de Guerra. Outros fizeram alerta para que o partido buscasse diálogo e consenso para evitar que integrantes insatisfeitos busquem outros caminhos.

A adesão foi concretizada na sexta-feira passada, quando o advogado Murilo Guerra foi empossado na secretaria estadual do Trabalho e Emprego – com Sérgio Guerra na platéia.

Deixar um Comentário